Arquivo da tag: barato e gostoso

GOSTOSO E BARATO – Gengibre e hortelã refrescam o picolé de abacaxi

Primavera com temperaturas altas já anunciando a chegada do verão. Tempo de despertar para começar a fazer picolés em casa. Desta vez investi em uma das frutas com mais cara de Brasil que a gente conhece: abacaxi. A época propicia frutas bem doces e combinações simples que resultam em sabores deliciosos e super refrescantes.

Picolés de abacaxi, gengibre e hortelã, super refrescantes

Além de fácil, barato e gostoso, os abacaxis adoçam a boca sem adição de açúcar mas com ingredientes como a banana. Ou refrescam com sabor ardidinho do gengibre ou hortelã.

Pra resumir: zero açúcar, zero lactose, zero gordura e zero glúten. Mais uma vez, receitas de picolé saudável, barato e muito gostoso.

Vamos aos ingredientes:

Abacaxi, foto de Rob Bertholf, fevereiro de 2014*
  • 1 abacaxi pérola grande ou 2 pequenos
  • 1 ou 2 bananas (usei prata)
  • 8 a 10 folhas de hortelã
  • 1 pedaço de gengibre de 2 a 4 cm
  • 2 a 3 pêssegos maduros (nacional ou importado)
Corte as bananas em rodelas, nem precisam ser muito finas, , foto de Brook Ward, fevereiro de 2015
Corte as bananas em rodelas, nem precisam ser muito finas,  foto de Brook Ward, fevereiro de 2015*

Acompanhe as três receitas com a fruta que preparei pra você:

1 – Receita de picolé de abacaxi refrescante com gengibre, hortelã e banana (opcional): 

As pitadinhas do hortelã dão um charme e um perfume incrível ao picolé de abacaxi com gengibre

Corte o abacaxi em pedaços e despreze o miolo.

Acrescente as folhas de hortelã e as rodas de gengibre e use um mixer ou liquidificador para fazer o suco das frutas.

Preencha a forma de picolé com o suco e leve ao freezer.

Depois de 30 minutos, coloque os palitos bem centralizados.

Mais 3 horas e meia estarão prontos!

DICA: Experimente o suco, pois se o abacaxi não estiver tão doce, você pode acrescentar 1/2 banana, se quiser.

+ Como fazer o picolé mais fácil do mundo

2 – Receita de picolé de abacaxi com pêssego e banana

Picolés de abacaxi com pêssego e um tiquito de banana (opcional)

Descasque o abacaxi e os pêssegos e corte em pedaços. Despreze o miolo do abacaxi.

Descasque 1 banana e corte em rodelas (não precisa ser fina)

Bata em uma pequena caneca com um mixer ou use o liquidificador. Não precisa adicionar água.

Pêssegos, foto de Derrick Brutel, setembro de 2016*

Coloque nas formas e leve ao freezer.

Depois de 30 minutos, acrescente os palitos.

Mais 3 horas e meia estarão prontos!

DICA: No mixer, um pouco da fibra do abacaxi que não foi processada fica grudada na base. Retiro apenas isso e já coloco nas formas de picolés. Se preferir, passe na peneira grossa.

Logo whatsapp Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲 . Crie um contato para vale mais  no número  011 9 9985-3577 e envie a frase Eu quero no WhatsApp. Pronto! IMPORTANTE: seu número não aparece para ninguém!

3 – Receita de picolé de abacaxi com banana:

O abacaxi em picolés vai bem sozinho (2 na parte de baixo) ou com banana, para deixá-lo ainda mais doce e cremosinho

Descasque e corte em pedaços o abacaxi e a banana. Despreze o miolo do abacaxi.

Bata em uma pequena caneca com um mixer ou use o liquidificador. Não precisa adicionar água.

Coloque nas formas e leve ao freezer.

Depois de 30 minutos, acrescente os palitos.

Mais 3 horas e meia estarão prontos!

DICA: Se o abacaxi estiver bem doce, use apenas 1/3 ou 1/2 de uma banana para dar um pouco de cremosidade, sem adoçar demais.

 

Geladinho detox – receita pra detonar o calor e os excessos do garfo

vale mais

Folhas selecionadas de hortelã fresca

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações de preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções. Imagens do blog e * com licença Creative Commons.
Anúncios

DELÍCIA – Onde comprar a ricota mais barata de São Paulo

Os tempos difíceis da nossa economia estão fazendo os preços subirem. Até da ricota fresca, tipo de queijo muito procurado porque cai bem em milhares de pratos. Mas em vez de pagar R$ 15, R$ 18 ou até R$ 25 o quilo nos supermercados que você frequenta, é possível e bem viável gastar menos da metade: de R$ 7 a R$ 9 ou pouco mais na zona cerealista, em São Paulo.

Ricota Camanducaia, R$ 7 o quilo, na zona cerealista, em São Paulo

Isso mesmo. Um pedaço de bairro do Bras, região central de São Paulo, com dezenas de lojas com especiarias, frutas secas, arroz integral, farinhas dos mais diversos tipos, vinhos, azeites, queijos italianos, Canastra e tantos outros. E ricota fresca.

A loja responsável pelo menor preço na área é a Camanducaia, empório que consegue vender a preços atraentes a ricota e outros queijos porque é produtor. Uma fazenda em Goiás produz os laticínios com marca própria, Camanducaia.

Logo cortadoReceba as boas notícias de vale mais  direto no celular. Envie uma mensagem para 011 9 9985-3577 pelo WhatsApp. Pronto! Saiba mais clicando aqui!

Clique aqui para curtir vale mais no Facebook!

Já experimentei e digo que a ricota é boa. Mesmo. Ela vem em pacotes de aproximadamente 500 gramas. No caixa, ele é pesado, como manda a lei. Ponto para a Camanducaia.

Ela vai bem em pratos salgados. No recheio de doces como o struddell, que tanto vende em padarias. Também ajuda muuuuuita gente a emagrecer porque tem pouca gordura. A ricota, todo mundo conhece, é um tipo de queijo que vale mais por essas características e outras mais.

No Mercantil Santa Paulo, três marcas de ricota de R$ 7,20 a R$ 9

A Casa Flora, um dos pontos comerciais da zona cerealista um pouco mais sofisticado, também tem a sua versão da ricota a R$ 7,40 o quilo. Logo vou querer experimentar.

Uma quadra distante, na rua da Alfândega, o supermercado Mercantil Santa Paula vende três marcas de ricota: Nova Nata, a R$ 7,20, Yema, a R$ 8,30, e Fazenda, a R$ 9. Na geladeira, a bandeja da mais barata está mais vazia, é claro. Você pode escolher a sua ou experimentar. Os vendedores dizem que a mais barata é a mais macia.

Valores nutricionais da ricota Camanducaia

Então, vale conferir.

Não conheço nenhum outra região com preços tão atraentes!

Queijo da Canastra tem preço imbatível na zona cerealista

DELÍCIA – Onde comprar o famoso queijo da Canastra em MG, SP e RJ

Boas compras!

Endereços:

* Laticínios Camanducaia: rua Santa Rosa, 187,  Brás, fone 11 3312-3505

* Casa Flora: rua Santa Rosa, 197, Brás, São Paulo, fone 11 2842-5199

* Mercantil Santa Paula: rua da Alfândega, 415 – Brás, fone 11 3326-2888

vale mais

 Para quem quer curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações de informações e preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, vendas por telefone, estoques e tampouco durante promoções. Preços de 3 de agosto de 2017.

BOM, BARATO E GOSTOSO – Flan de coco combina com calda de vinho 🍷

O tempo pede uma sobremesa geladinha, barata e, claro, bonita. Nada mais indicado que um flan ao molho de vinho para se fazer em casa. Dá para impressionar família e os convidados de final de semana, pode ter certeza!

Flan na calda de vinho, uma receita gostosa, barata e que impressiona
Flan de coco na calda de vinho, uma receita gostosa, barata e que impressiona

A receita é uma criação inspirada no livro de Evanilda Perissinotto Prospero, “Gastronomia: Saber e Cozer”.

E realmente é muito fácil de fazer. Vamos lá:

Vidro de leite de coco
Vidro de leite de coco

Ingredientes:

  • 1 pacote de gelatina neutra incolor
  • 1 xícara de água para dissolver  a gelatina
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 lata de creme de leite sem soro
  • 1 lata de leite
  • 1 colher de essência de baunilha
  • 1 vidro de leite de coco

Modo de fazer:

Coloque a gelatina na água e leve ao banho-maria para dissolver.

Bater todos os ingredientes no liquidificador.

Pacotinho de gelatina em pó incolor sem sabor
Pacotinho de gelatina em pó incolor sem sabor

Numa forma de flan ou de pudim, pincele óleo no fundo e nas laterais e coloque a mistura pronta.

Leve para a geladeira por no mínimo 5 horas ou de um dia para outro.

Calda:

  • 2 xícaras de vinho tinto suave ou vinho do Porto
  • 1 xícara de água
  • 1 xícara de açúcar
  • 2 colheres rasas de amido de milho (Maizena)

Numa panela média, coloque os ingredientes e mexa bem até engrossar (não muito).

Leve na geladeira para gelar.

Com cuidado, retire o flan da forma e despeje a calda sobre o doce.

Sirva após almoço ou jantar.

O branco do flan em contraste com o vinho fica bem elegante
O branco do flan em contraste com o vinho fica bem elegante
Receita enviada pela seguidora do blog Helaine Carrer

BOM, BARATO E GOSTOSO – Como fazer o picolé mais fácil do mundo

O calor tá pegando. E a falta de grana também. Estão aí dois bons motivos para economizar e fazer em casa um picolé gostoso, barato e cremoso. Melhor, é o picolé mais fácil de fazer em todo o mundo. Além de dar um refresco para a garganta.

Picolés de morangos e bananas, facílimo de se fazer em casa
Picolés de morangos e bananas, facílimo de se fazer em casa

Quer mais?

  • Zero açúcar
  • Zero lactose
  • Zero gordura
  • É natural
  • Não dá trabalho

Não preciso dizer muito mais.

Vamos aos ingredientes:

Caixa de morangos, fotos de Henry Zbyszynski, março de 2015*
Os morangos precisam estar no ponto, fotos de Henry Zbyszynski, março de 2015*
  • 1 caixinha de morangos
  • 3 a 4 bananas nanicas, mas podem ser prata
Corte as bananas em rodelas, nem precisam ser muito finas, , foto de Brook Ward, fevereiro de 2015
Corte as bananas em rodelas, nem precisam ser muito finas, , foto de Brook Ward, fevereiro de 2015

Como fazer o picolé mais fácil do mundo:

Lave bem os morangos e retire os cabinhos, claro. Descasque as bananas e corte em rodelas _não precisam ser finas.

Coloque em uma caneca de alumínio ou inox e faça um suco com um mixer. Ou bata no liquidificador, sem água.

Vai ficar um suco grosso. Experimente _se sua preferência for para um picolé mais azedinho, acrescente um pouco mais de morangos. Se gostar bem doce, acrescente mais meia banana. A banana nanica vai deixar a mistura mais doce que a prata.

Coloque na forma para picolés e coloque no freezer. Depois de 45 minutos, coloque os palitos.

Cerca de 3 horas depois o picolé estará pronto.

Par retirar da forma, passe ligeiramente na água corrente da torneira e puxe pelo palito. Um pouco parecido de como se retira gelo da forma.

Fácil, né? Não precisa entender de forno nem de fogão. Bom para o bolso, bom para a garganta, bom para o corpitcho não aumentar de peso.

+ Picolé de abacaxi com hortelã – receita para um outono quente

Logo whatsapp Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲 . Crie um contato para vale mais  no número  011 9 9985-3577 e envie a frase Eu quero no WhatsApp. Pronto! IMPORTANTE: seu número não aparece para ninguém!

Geladinho detox – receita pra detonar o calor e os excessos do garfo

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

vale mais não se responsabiliza por alterações de preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções. Imagens do blog e com licença Creative Commons