Arquivo da tag: Cidade

SÃO PAULO 464 ANOS – Anitta, Paula Fernandes e Karol Conka, destaques dos shows amanhã

O Vale do Anhangabaú é o principal palco da comemoração dos 464 anos de São Paulo, amanhã. O evento começa às 11h e vai até o meio-dia do dia 26 de janeiro. A sertaneja Paula Fernandes abrirá a programação de shows a partir das 15h da tarde com um tributo à cantora Rita Lee mas a poderosa Anitta manda ver com seu show em horário nobre, 23h15 do dia de aniversário da maior cidade do país.

Anitta dá show às 23h15 no Anhangabaú nas comemorações do aniversário de São Paulo

Karol Conka e Tulipa Ruiz também têm shows garantidos. Muitas atividades vão acontecer por toda a cidade (programação completa abaixo)!

No Anhangabaú o clima vai incluir objetos infláveis, partidas de Gaymada e Hocus Pocus, interação de magicas e um palco de karaokê.

Para garantir que todos tenham acesso e possam conhecer os espaços culturais, as atividades acontecerão em diversos outros pontos da cidade. São eles o Centro Cultural de Cidade Tiradentes (zona leste), Centro Cultural da Juventude (zona norte), Centro Cultural do Grajaú (zona sul), Centro Cultural Tendal da Lapa (zona oeste) e os teatros Décio de Almeida Prado e Paulo Eiró (zona sul) e Cacilda Becker (zona oeste).

Quem quiser curtir a festa no centro, poderá conferir apresentações dos corpos artísticos do Theatro Municipal de São Paulo. A Orquestra Sinfônica Municipal, regida por Roberto Minczuk, traz no dia 25, às 14h, ópera “O Guarani”, de Carlos Gomes.

O Balé da Cidade se apresenta, às 19h, com a coreografia “Das tripas…coração”. Já na sexta-feira (26), às 12h, a Orquestra Experimental de Repertório apresenta diversas aberturas de óperas.

Veja a programação completa para se programar: 

VALE DO ANHANGABAÚ
Dia 25
11h às 7h – Festas
12h – Paula Fernandes
15h – Tributo à Rita Lee com Thiago França, Letrux, Raquel Virgínia e Tulipa Ruiz
18h – Tributo a David Bowie com André Frateschi e Banda Heroes
20h30 – BaianaSystem e Karol Conka
23h15 – Anitta

Dia 26
2h – Banda Uó, Jaloo e Glória Groove
4h-Gilmelândia.
11h30 – Orquestra Brasileira de Música Jamaicana (OBMJ)

Karol Conka com show às 20h30, antes de Anitta, no Anhangabaú

THEATRO MUNICIPAL DE SÃO PAULO
Os ingressos vão ser distribuídos duas horas antes de cada espetáculo, sendo 1 Ingresso por pessoa.

Dia 25
14h – Orquestra Sinfônica Municipal
19h – Balé da Cidade de São Paulo – Coreografia: “Das tripas…coração”, de Ismael Ivo.

Dia 26
12h – Orquestra Experimental de Repertório

PRAÇA DA REPÚBLICA – Hip Hop Celebration
Do meio-dia às 22h.
Com Dexter, Sampa Crew, Ndee Naldinho, Thaíde, Negredo, entre outros.

CENTROS CULTURAIS
Centro Cultural Grajaú
10h – Parque do Circo apresenta: Dr. Friky
10h às 13h – Itinerantes com Circle: Agência de Circo
10h às 13h – Casinha de Rodas – Ônibus Brincante
10h às 13h – Madri Recreações
11h – Canta História apresenta: A Criação do Mundo
11h às 13h – Desinvenções – Coletivos de Projetos para Infância apresenta: Oficina Desinventando a Cidade
12h – Circo di SóLadies apresenta: O Estupendo Circo di SóLadies
16h – Denise Alves
17h – Msário + DJ SouJazz
18h – Uterço
19h – Rael

Nos intervalos entre os shows – discotecagem com a Dj Zeme.

A cantora de música sertaneja Paula Fernandes vai homenagear Rita Lee na abertura dos shows, às 15h no Anhangabaú

Centro Cultural Cidade Tiradentes
10h – Kiara Terra apresenta: História Colaborativa para Viver o Tempo Como um Presente
10h às 13h – Madri Recreações
10h às 13h – Itinerantes com Circle: Agência de Circo
11h – Cia Bonecos Urbanos apresenta: Na Curva do Rio
11h às 13h – Animaníacos Entretenimentos apresenta: Oficina de Instrumentos Recicláveis
12h – Cantoria Animada apresenta: Divertidas Canções do Repertório Tradicional e Também Atual
15h – Show Aliança Negra. Local: Área do Circo
16h – Odisseia das Flores. Local: Área do Circo
17h – Show Viegas. Local: Área do Circo
19h – Show GOG

Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso
10h – Mad Science apresenta: Watchatchá
11h – Cia Malas Portam apresenta: Viajando com a Mala Treco
12h – Trupe Pé de Histórias apresenta: Conto dos Pássaros
10h às 13h – Ateliê Sucatinha Luxo apresenta: Oficina de Aviõezinhos de Garrafa Pet
10h às 13h – Itinerantes com Circle: Agência de Circo
10h às 13h – Madri Recreações

Centro Cultural Grajaú
16h – Denise Alves
17h – Msário + DJ SouJazz
18h – Uterço
19h – Rael

Nos intervalos entre os shows – discotecagem com a DJ Zeme.

Centro Cultural Cidade Tiradentes
10h – A Rua é de Brincar
15h – Show Aliança Negra. Local: Área do Circo
16h – Odisseia das Flores. Local: Área do Circo
17hrs – Show Viegas. Local: Área do Circo
19hrs – Show GOG

Centro Cultural Tendal da Lapa
10h às 11h30 – Contação de histórias, cantigas e brincadeiras infantis.
11h30 – De Lucca Circus Show (circo)
12h30 – Cortejo Suno (circo)
13h30 – Intervenções circenses com Circo de Ébano, TIC Cultural e ciclistas bonequeiros.
14h – A Carta (circo)
14h40 – Intervenções circenses com Circo de Ébano, TIC Cultural e ciclistas bonequeiros.
15h – Mjiba – A boneca guerreira (circo)
16h40 – Circo de Doisdo
17h30- Banda Paralela
19h – Tânia Alves – show Alma Latina

TEATROS

ARIGÓS – PRIMEIROS RISCOS DA BORRACHA
Onde: Teatro Paulo Eiró
Quando: 25/1/2018
Horário: Quinta às 21h
Valor: Gratuito
10 Anos

Tulipa Ruiz solta a voz em show de aniversário de São Paulo

MÁRTIR
Onde: Teatro Cacilda Becker
Quando: 25/1/2018
Horário: Quinta às 21h
Valor: Gratuito
14 Anos

CHORONAS SAMPA
Onde: Teatro Décio de Almeida Prado
Quando: 25/1/2018
Horário: Quinta às 20h (WORKSHOP)
Horário: Quinta às 21h (SHOW)
Valor: Gratuito
Livre

BIBLIOTECA MÁRIO DE ANDRADE
Dia 25 de janeiro

11h Cida Moreira e Roberto Camargo
14h Marquinhos Moura canta Adoniran Barbosa
16h Leitura Encenada: Rosi Campos

EXPOSIÇÕES

Casa do Tatuapé
Exposição Inundações em São Paulo
A exposição apresenta a documentação fotográfica sobre enchentes na cidade realizada entre os séculos 19 e 20. As imagens enfatizam os diversos transbordamentos e dedica uma sala especial aos flagrantes da enchente de 1918. Todas as imagens pertencem ao acervo fotográfico do Museu da Cidade de São Paulo. De 25/01 a 25/03
Das 9h às 17h. De terça a domingo. Classificação Livre

Centro Cultural Olido
CLICK CULTURALSP
Exposição de fotografias vencedoras do concurso #ClickCulturalSP, fruto da parceria da Secretaria Municipal de Cultura com a plataforma digital São Paulo da Garoa. A exposição reúne trabalhos de mais de 15 fotógrafos amadores e profissionais que lançaram seu olhar para temas como Diversidade Cultural, Pôr do Sol e Artistas de Rua.
Até 28/02
Das 9h às 20h. De terça a domingo. Classificação Livre

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações de horários de show e eventos, substituições de artistas, alterações de preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções; links rompidos ou inexistentes; informações enviadas com incorreções. Imagens divulgação da Prefeitura de São Paulo, das páginas do Facebook dos artistas, e com licença Creative Commons.

SÃO PAULO 463 ANOS – Zeca Baleiro, Sandra de Sá, Rashid, MC Soffia, Tássia Reis e Filipe Catto em shows gratuitos

São Paulo faz 463 anos hoje e o novo prefeito da cidade, João Doria, escolheu espalhar os festejos por toda a cidade _que já conheçam na parte da manhã. Tem música que vai do samba ao rap, passando por MPB, teatro, dança, atores famosos, circo, eventos voltados para crianças e muito mais. Tudo de graça, não dá para perder!

Zeca Baleiro, convidado da banda Rastapé, hoje, às 14h, na Chácara do Jockey
Zeca Baleiro, convidado da banda Rastapé, hoje, às 14h, na Chácara do Jockey

Zeca Baleiro, as novas e já sucesso MC Soffia e Tássia Reis, Filipe Catto, com sua voz única para homenagear Cassia Eller, Wilson Simoninha e Max de Castro, Demônios da Garoa, claro, o tenor que cantou para o papa Francisco Jean William são alguns destaques dos shows.

A atriz Bárbara Paz faz leitura dramática na Biblioteca Mário de Andrade,
A atriz Bárbara Paz se apresenta na Biblioteca Mário de Andrade, 18h

As comemorações também vão contar com as famosíssimas atrizes Bárbara Paz e Regina Duarte, além do grande ator Pascoal da Conceição, a trupe de circo Parlapatões e muito, muito mais.

Confira abaixo a programação completa de hoje com horários, endereços e condições para ingressos nos shows ou outros eventos:

MÚSICA

Centro

FILIPE CATTO CANTA CÁSSIA ELLER

Filipe Catto canta Cassia Eller às h no
Com sua voz incrível, Filipe Catto canta Cássia Eller às 19h no Centro Cultural São Paulo

Com Filipe Catto, Fabiana Ricardo de Oliveira Rodrigues, Lucas Weier Vargas, Michelle Abu e Ana Karina Sebastião.
No show, o cantor interpreta canções de Cássia Eller, de quem se diz grande admirador.
| Centro Cultural São Paulo – Sala Adoniran Barbosa. R. Vergueiro, 1.000, Paraíso. Próximo da estação Vergueiro do metrô. Dia 25, 19h (retirar ingresso 1h antes). 60 min. Livre.

CLUBE DO CHORO
O Clube do Choro de São Paulo é composto por cerca de 300 músicos atuantes no cenário atual paulistano. No aniversário de São Paulo, alguns desses artistas se apresentam em um dos cartões-postais da cidade, o famoso Mercadão, que completa 84 anos de fundação também no dia 25 de janeiro. Músicos da cena paulistana se revezarão durante a apresentação, executando clássicos do gênero e composições de chorões paulistas.
| Mercado Municipal – Mercadão. R. da Cantareira, 360. Dia 25h, 11h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre.

OSVALDINHO DA CUÍCA

Repertório de 18 músicas do sambista paulistano, entre elas “Frigideira” e “Pirapora”.
| Mercado Municipal – Mercadão. R. da Cantareira, 360. Dia 25, 13h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre.

Tássia Reis, no Centro Cultural da Juventude, 16h, canta junto com a MC Soffia
Tássia Reis, no Centro Cultural da Juventude, 16h, canta junto com a MC Soffia

DEMÔNIOS DA GAROA
Com Sérgio Rosa, Ricardo Cassimiro Rosa, Roberto Barbosa, Wilder Benedito Paraíso e Izael Caldeira.
O Demônios da Garoa surgiu em 1943 como Grupo do Luar e, até hoje, foi a única banda a receber a classificação de mais antiga em atividade pelo Guinness Book, no ano de 1994. Com 73 anos de atividade ininterrupta, Demônios gravou 80 discos e tem, entre seus maiores sucessos, canções como “Trem das Onze”, “Samba do Arnesto”, “As Mariposas”, “Tiro ao Álvaro”, todas de Adoniran Barbosa, e muitas outras.
| Mercado Municipal – Mercadão. R. da Cantareira, 360. Dia 25, 15h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre.

BARBATUQUES E BADI ASSAD
Com Badi Assad (violão e voz). Barbatuques: André Hosoi, André Venegas, Charles Raszl, Giba Alves, Helô Ribeiro e João Simão.
O grupo Barbatuques apresenta “Ayú”, seu quarto disco, que traz canções e músicas instrumentais explorando a fonética, assim como os aspectos rítmicos, harmônicos e melódicos.
| Theatro Municipal de São Paulo. Pça. Ramos de Azevedo, s/nº. Dia 25, 11h (retirar ingresso 1h antes). 90 min. Livre.

No Theatro Municipal, o tenor Jean William, às h
No Theatro Municipal, o tenor Jean William, às 15h

ORQUESTRA BACHIANA E TENOR JEAN WILLIAM
Regência: João Carlos Martins.
| Theatro Municipal de São Paulo. Pça. Ramos de Azevedo, s/nº. Dia 25, 15h (retirar ingresso 1h antes). 90 min. Livre.

ILÚ OBÁ DE MIN COM JUÇARA MARÇAL E FABIANA COZZA
Bloco Afro Ilú Obá De Min. Com Cleib Aparecida Martins Vieira Cupertino (líder do grupo), Wanderléia Martins Vieira Cupertino, Maria José de Almeida Cintra, Ducineia Cardoso, Sandra Maria Luciano, Tatiana Mohr, Ana Célia Martins Nogueira, Isabela Rocha Tsuji Cunha, Andreia Alves dos Santos, Maria do Carmo de Almeida Cintra, Silvana Silvestrini, Maria Cristina da Silva, Sandra Regina Gonçalves Cavalcanti, Marlene Cristiane Gomes Britos, Roberta da Silva Santos, Lenita Rosa Sena e Silvana Aparecida dos Santos (percussionistas). Cantoras convidadas: Fabiana Cozza e Juçara Marçal.
| Theatro Municipal de São Paulo. Pça. Ramos de Azevedo, s/nº. Dia 25, 17h (retirar ingresso 1h antes). 60 min. Livre.

Logo whatsapp Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲 . Crie um contato para vale mais no número  011 9 9985-3577 e envie a frase Eu quero no WhatsApp. Pronto!

LINIKER E OS CARAMELOWS + ENSEMBLE VOCAL PAULISTA
Com Liniker (vocais), Rafael Barone (baixo), William Zaharanszki (guitarra), Pericles Zuanon (bateria), Márcio Bortoloti (trompete) e Renata Éssis (backing vocal). Ensemble Paulista: Ana Luisa Ramos, Ludmila Thompson, Luisa Aguilar, Alessandra Carvalho, Alessandra Wingter, Camila Honorato e Marilia Vargas.
A cultuada e performática cantora Liniker se apresenta com integrantes do Ensemble Vocal Paulista, grupo formado por alunos da Escola de Música do Estado de São Paulo e da Escola Municipal de Música de São Paulo.
| Theatro Municipal de São Paulo. Pça. Ramos de Azevedo, s/nº. Dia 25, 19h (retirar ingresso 1h antes). 90 min. Livre.

MC Soffia, no Centro Cultural da Juventude, 16h, canta junto com Tássia Reis
MC Soffia, no Centro Cultural da Juventude, 16h, canta junto com Tássia Reis

Zona Norte

TÁSSIA REIS + MC SOFFIA
Com letras maduras e bem estruturadas, Tássia Reis lançou no final de 2016 o disco “Outra Esfera”, o segundo de sua carreira. As sete faixas do álbum mostram uma artista heterogênea e consciente da sonoridade que é capaz de produzir. Entre as músicas de destaque estão “Desapegada”, “Se Avexe Não” e o remix da música “Ouça-me”. MC Soffia traz sucessos de sua carreira, entre eles “Meu RapJazz”.
| Centro Cultural da Juventude – Espaço Arena. Av. Deputado Emílio Carlos, 3.641, Vila Nova Cachoeirinha. Próximo do Terminal de Ônibus Cachoeirinha. Dia 25, 16h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre.

RASHID
Michel Dias Costa, mais conhecido como Rashid, aos 12 anos já escrevia suas próprias letras e, como vários garotos criados na periferia, sonhava um dia subir ao palco. A “Coragem da Luz” é o primeiro disco de estúdio de Rashid. Lançado em março de 2016, teve participações de Mano Brown, Criolo, Xênia França (Aláfia), Alexandre Carlos (Natiruts), Izzy Gordon e Max de Castro. Marechal, Nave e Parteum assinaram a produção de canções do álbum. Hoje em turnê por todo o país, Rashid tem o apoio de uma banda formada por backing vocal, guitarra, baixo e bateria, além do inseparável DJ Mr. Brown.
| Centro Cultural da Juventude – Espaço Arena. Av. Deputado Emílio Carlos, 3.641, Vila Nova Cachoeirinha. Próximo do Terminal de Ônibus Cachoeirinha. Zona Norte. Dia 25, 20h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre.

Rashid manda ver às h no
Rashid manda ver às 20h no Centro Cultural da Juventude

AS BAHIAS E A COZINHA MINEIRA
Com Assucena Assucena (voz), Raquel Virgínia (voz), Rafael Acerbi (guitarra e violão), Rob Ashtoffen (baixo), Carlos Eduardo Samuel (piano/teclado), Vitor Coimbra (bateria) e Danilo Moura (percussão).
Assucena, Rafael e Raquel se conheceram na faculdade de História da USP em 2011. Desde então, iniciaram uma intensa amizade em torno de ideias musicais e artísticas. O nome da formação se deve ao fato de que as duas cantoras e compositoras, transexuais, coincidentemente tinham o mesmo apelido “Bahia”, e o guitarrista mineiro Rafael formaria a “cozinha” sonora da banda. “Mulher”, o primeiro álbum do grupo, foi lançado em 2015 com grande aceitação de público e mídia. Em 2016, após apresentações pelo Brasil, a banda lança seu show mais recente “ETC & Tal”, com direção artística de Marcos Xuxa Levy, atingindo novos públicos. Com notória influência da música brasileira tropicalista, a banda integra a cena atual com canções que versam sobre o universo feminino, de forma contundente.
| Centro Cultural da Juventude – Espaço Arena. Av. Deputado Emílio Carlos, 3.641, Vila Nova Cachoeirinha. Próximo do Terminal de Ônibus Cachoeirinha. Dia 25, 18h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre.

Zona Sul

LUANA BAYÔ E PAGODE DA 27
Apresentação de artistas da região da zona sul. A cantora Luana Bayô traz em seu repertório composições próprias e releituras, em gêneros musicais diversos, entre eles bolero, salsa e samba. Nascido na rua 27 do Grajaú, o Pagode da 27 toca em seu show o mesmo samba que leva todos os domingos do mês ao bairro.
| Centro Cultural do Grajaú. R. Prof. Oscar Barreto Filho, 252, Capela do Socorro. Dia 25, 14h (Luana Bayo) e 16h (Pagode). Não é necessário retirar ingresso. 60 min. Livre.

BICHO DE PÉ
O grupo mostra a diversidade dos ritmos brasileiros por meio de músicas de sua autoria e de artistas consagrados, como Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Dominguinhos, Zé Ramalho e Fagner.
| Centro Cultural do Grajaú. R. Prof. Oscar Barreto Filho, 252, Capela do Socorro. Dia 25, 18h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre.

MORAES MOREIRA E DAVI MORAES
No show “Pai e Filho”, o repertório traz parcerias inéditas e homenagens a grandes compositores brasileiros, como Ari Barroso, Assis Valente, além de músicas do grupo Novos Baianos.
| Centro Cultural do Grajaú. R. Prof. Oscar Barreto Filho, 252, Capela do Socorro. Dia 25, 20h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre

Zona Leste

RAEL
Até o início de 2017, Rael faz os últimos shows da turnê “Diversoficando”, com a qual lota casas por todo o país em mais de 150 apresentações. Agora, ele começa a dar mostras do que prepara para o show de seu recém-lançado disco “Coisas do Meu Imaginário”. Reformulados para esses meses de encerramento, os shows passam a ter como grande atrativo o lançamento da faixa “Rouxinol”, primeiro single do novo trabalho. Estão no repertório também “Estrada” e “Minha Lei”, que também ganhou clipe.
| Parque do Carmo. Dia 25, 14h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre.

TRIBO DE JAH + EX-INTEGRANTES DO CIDADE NEGRA

A banda icônica de reggae Tribo de Jah comemora sua trajetória de 30 anos convidando os ex-Cidade Negra: Ras Bernardo e Da Ghama para fazerem parte do show.
| Parque do Carmo. Dia 25, 16h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre.

Zona Oeste

RASTAPÉ COM PARTICIPAÇÃO DE ZECA BALEIRO
Rastapé, banda que ficou conhecida pela música “Colo de Menina”, apresenta canções de seu sexto CD, “Fundamental”. O cantor e compositor Zeca Baleiro é convidado especial do show.
| Chácara do Jockey. Dia 25, 14h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre

Sandra de Sá é uma das convidadas do Baile do Simonal, h, no
Sandra de Sá é uma das convidadas do Baile do Simonal, 16h, na Chácara do Jockey

BAILE DO SIMONAL COM PARTICIPAÇÃO DE SANDRA DE SÁ
Com Marcelo Maita, Márcio Forte, Robinho Tavares, Sidmar Vieira, Josue dos Santos, Will Bone, Simoninha, Max de Castro e Sandra de Sá.
O Baile do Simonal é mais que uma homenagem, trata-se de uma verdadeira festa. O show, concebido e produzido por Max de Castro e Wilson Simoninha, filhos do cantor Simonal, convidam a cantora Sandra de Sá para esta apresentação.
| Chácara do Jockey. Dia 25, 16h (não é necessário retirar ingresso). 60 min. Livre

 TEATRO

Centro

A MERDA (LA MERDA)
Texto: Cristian Ceresoli. Direção e interpretação: Christiane Tricerri. Baseado na criação original de Silvia Gallerano e Cristian Ceresoli.
Arrebatada por seu fluxo de consciência, mulher luta, com obstinação, coragem e resistência, manifestando-se em sua bulímica e revoltada confidência pública para abrir seu próprio espaço como celebridade em uma sociedade de “coxas e liberdade”. Sentada como um animal em um pedestal circense, nua, sob os holofotes, com sua voz amplificada por um microfone, a fêmea protagonista avança com ferocidade brutal e fúria assassina rumo ao “mundo que conta“, disposta a tudo para alcançar seu objetivo de chegar lá e acontecer.
| Centro Cultural Olido – Sala Paissandu. Av. São João, 473. Dia 25, 18h (retirar ingresso uma hora antes). 90 min. + 16 anos.

BICHOS DO BRASIL
Cia. PiA FraUs.
O espetáculo é composto de 15 esquetes que retratam a riqueza da fauna brasileira, por meio de bonecos e música, procurando criar o ambiente da mata e o cotidiano dos animais numa selva tropical.
| Centro Cultural São Paulo. R. Vergueiro, 1.000, Paraíso. Próximo da estação Vergueiro do metrô. Dia 25, 14h (não é necessário retirar ingresso). 50 min. Livre.

LEITE DERRAMADO
Texto original: Chico Buarque. Adaptação, direção e cenografia: Roberto Alvim. Elenco: Juliana Galdino, Renato Forner, Diego Machado, Taynã Marquezone, Caio D’Aguilar, Marcel Gritten, Luis Fernando Pasquarelli e Nathalia Manocchio. Trilha sonora original: Vladimir Safatle. Iluminação: Domingos Quintiliano. Figurinos: João Pimenta.
Versão teatral do livro de Chico Buarque ganhador do Prêmio Jabuti. Ambientada em um hospital público, a história acompanha um homem falido, com mais de 100 anos de idade, que foi abandonado em uma maca de um hospital público. Nessa situação humilhante, tem de lidar com a precariedade de um sistema construído pela mesma elite da qual sua família, vinda com a coroa portuguesa ao Brasil, fez parte.
| Centro Cultural São Paulo – Sala Jardel Filho. R. Vergueiro, 1.000, Paraíso. Próximo da estação Vergueiro do metrô. Dia 25, 20h30 (retirar ingresso 2h antes). 60 min. + 14 anos.

GRANDES ATORES, GRANDES TEXTOS
Na Biblioteca Mário de Andrade, cinco atores e atrizes fazem a leitura dramática de textos e/ou poesias que consideram importantes para suas vidas.

REGINA DUARTE
| Dia 25, 15h

PASCOAL DA CONCEIÇÃO
| Dia 25, 16h

JUCA DE OLIVEIRA
| Dia 25, 17h

BÁRBARA PAZ
| Dia 25, 18h

FÚLVIO STEFANINI
| Dia 25, 19h

 
| Biblioteca Mário de Andrade – Auditório. R. da Consolação, 94, Consolação. Próximo da estação Anhangabaú do metrô. Dia 25, a partir das 15h (retirar ingresso 1h antes de cada apresentação). 45 min. Livre. 
 
LANÇAMENTO REVISTAS RBMA 70 – MEDO E RBMA 71 – SONHO

| Biblioteca Mário de Andrade – Auditório. R. da Consolação, 94, Consolação. Próximo da estação Anhangabaú do metrô. Dia 25, 20H30. 45 min. Livre.

Zona Norte

CANTO PARA RINOCERONTES E HOMENS
Com Cia. Teatro do Osso. Direção: Rogério Tarifa. Texto Original: “O Rinoceronte”, de Eugene Ionesco. Elenco: Guilherme Carrasco, Isadora Titto, João Victor Toledo, Luísa Valente, Renan Ferreira, Rubens Alexandre e Viviane Almeida. Dramaturgia: Jonathan Silva, Rogério Tarifa e elenco. Músicos: Bruno Pfefferkorn e Filipe Astolfi.
Será que nós, seres humanos, gostaríamos de virar rinocerontes? A partir desse questionamento e da obra “O Rinoceronte”, de Eugene Ionesco, o ato-espetáculo musical traz para o palco temas como a brutalização do ser humano, a falta de sonhos e a extinção do homem.
| Teatro Municipal Alfredo Mesquita. Av. Santos Dumont, 1.770, Santana. Dia 25, 20h (retirar ingresso 1h antes). 180 min. + 14 anos.

Zona Sul

CAIS OU DA INDIFERENÇA DAS EMBARCAÇÕES
Com Velha Companhia. Texto e direção: Kiko Marques. Elenco: Alejandra Sampaio, Kiko Marques, Marcelo Diaz, Marcelo Laham, Marcelo Marothy, Marco Aurélio Campos, Maurício de Barros, Patrícia Gordo, Roberto Borenstein, Rose de Oliveira, Tatiana de Marca e Virgínia Buckowski.
O espetáculo é uma reconstrução poética de três gerações de uma família moradora de Ilha Grande, contada a partir da perspectiva de um barco.
| Teatro Municipal João Caetano. R. Borges Lagoa, 650, Vila Clementino. Dia 25, 20h (retirar ingresso 1h antes). 180 min. + 14 anos.

Zona Leste

SOBRE RATOS E HOMENS
Com DENDILEÃO Produções Artísticas Ltda. Direção artística: Kiko Marques. Elenco: Ricardo Monastero, Daniel Kronenberg, Luiz Amorim, Natallia Rodrigues, André Magalhães, Tom Nunes, Cássio Inácio e Pedro Paulo Eva.
Dois amigos, George e Lennie, o primeiro de raciocínio ágil e o segundo tão forte quanto ingênuo, estão unidos pelo sonho de trabalhar e juntar dinheiro para comprar um pedaço de terra onde possam finalmente viver. Forçados a lidar com a realidade, só a verdadeira amizade permitirá que continuem sonhando. No enredo repleto de tensão masculina, a única mulher em cena é Mae, esposa de Curley, filho do patrão. Ela joga com seu charme e persuasão para desestabilizar a ordem dos funcionários da fazenda.
| Teatro Municipal Arthur Azevedo. Av. Paes de Barros, 955, Mooca. Dia 25, 20h (retirar ingresso 1h antes). 100 min. + 10 anos.

Zona Oeste

OS ARQUEÓLOGOS
Com Empório de Teatro Sortido. Texto: Vinicius Calderoni. Direção: Rafael Gomes. Elenco: Guilherme Magon e Vinicius Calderoni.
Dois locutores esportivos transmitem cenas corriqueiras de vidas comuns. Pessoas caminham pelas ruas sem se dar conta de que os papéis rabiscados que trazem nos bolsos serão documentos históricos dentro de centenas de anos. Um pai tenta ensinar ao filho como se usa uma câmera de filmagem. Arqueólogos do futuro dialogam sobre os vestígios dessa estranha civilização, avaliando relíquias recolhidas no início do século 21.
| Teatro Municipal Cacilda Becker. R. Tito, 295, Lapa. Dia 25, 20h (retirar ingresso 1h antes). 60 min. +10 anos.

DANÇA
Centro

A trupe Os Parlapatões mostra sua arte circense no Masp, h
A trupe Os Parlapatões mostra sua arte circense no Masp, h

DANÇA POR CORREIO
Zumb.Boys.
Na rua, o espetáculo procura se comunicar com os transeuntes e utiliza os corpos para traduzir sensações do ser urbano.
| Galeria do Rock. Av. São João, 439 (não é necessário retirar ingresso). Dia 25, 11h. 50 min. Livre.

YEBO
Grupo Gumboot Dance.
Segundo espetáculo de dança do grupo. Gumboot dance é uma forma de dança criada no século 19 pelos trabalhadores das minas de ouro e de carvão da África do Sul. O espetáculo aborda a exploração tanto das minas quanto dos sete povos levados para a extração do minério, a criação de um dialeto sonoro a partir das batidas nas botas de borracha e a espera das mulheres por seus maridos mineiros.
| Largo do Paissandu. Av. São João, em frente 473. Dia 25, 13h (não é necessário retirar ingresso). 50 min. Livre.

JAM OLIDO DE DANÇAS
A Jam de Danças Urbanas tem a intenção de abrir espaço para os praticantes das diversas linguagens das danças de rua. O projeto possibilita um ambiente para a improvisação de seus praticantes e também do público, gerando uma interação entre profissionais e amadores.
| Centro Cultural Olido – Vitrine da Dança e corredor. Av. São João, 473. Dia 25, 14h (não é necessário retirar ingresso). 240 min. Livre.

PELE NEGRA MÁSCARAS BRANCAS
Cia. Treme Terra.
Inspirado no livro “Pele Negra Máscaras Brancas”, escrito por Frantz Fanon, a companhia cria este espetáculo de dança negra baseado em estudos sobre as relações étnico-raciais no Brasil, traçando um paralelo com a mitologia dos orixás e experiências pessoais relatadas em depoimentos pelos artistas do elenco.
| Centro Cultural Olido – Sala Olido. Av. São João, 473. Dia 25, 20h (retirar ingresso 1h antes). 80 min. Livre.

FESTA

Centro

CALEFAÇÃO TROPICAOS
O coletivo Calefação Tropicaos traz DJs para embalar esta festa.
| Praça das Artes. Av. São João, 281. Dia 25, das 14h às 22h (não é necessário retirar ingresso). Livre.

ROTEIROS SPSAFARI

Pateo do Colégio, por Rogério Tomazela, setembro de 2014, parte de vários passeios liderados por quem entende da cidade
Pateo do Colégio, por Rogério Tomazela, setembro de 2014, parte de vários passeios liderados por quem entende da cidade

Quatro roteiros que contam parte da cidade de São Paulo.

Centro

PÁTIO DO COLÉGIO E A HISTÓRIA DA CIDADE
Com João Carlos Kuhn (mestre em arquitetura e urbanismo pela FAU/USP).
Poucas cidades têm a certeza do ponto onde começaram. Não é o caso de São Paulo, que surgiu onde hoje está o Pátio do Colégio. Lá, os jesuítas construíram sua primeira cabana, em 1554. O percurso relatará as transformações ocorridas na cidade, com a presença e a expulsão dos jesuítas, a transformação do local em Palácio do Governador e a reviravolta a partir da década de 1950, quando o terreno é devolvido aos jesuítas e o conjunto religioso é reconstruído como parte das festividades do IV Centenário de São Paulo, em 1954.
| Dia 25, das 10h às 12h e das 14h às 16h (cada horário é uma turma diferente). Ponto de encontro: Pátio do Colégio. Inscrições: http://www.spsafari.com/contato (até 30 pessoas, por ordem de inscrição)

DE VILA A CENTRO DA METRÓPOLE PAULISTANA: UM PASSEIO PELA COLINA HISTÓRICA DE SÃO PAULO
Com Ana Castro e Joana Mello (professoras da FAU/USP).
O desenvolvimento do centro de São Paulo pode ser acompanhado por meio de seus edifícios e como seu espaço e vias foram planejados. Desde o uso da taipa até os arranha-céus de concreto armado, em meados do Século 20, várias imagens da cidade foram surgindo. Ao percorrer a colina histórica –núcleo original de formação de São Paulo–, o roteiro mostra como essas diferentes imagens se configuraram simbólica e materialmente na cidade.
| Dia 25, 15h. Ponto de encontro: Pátio do Colégio. Inscrições: joana-mello@usp.br (até 20 pessoas, por ordem de inscrição)

Zona Sul

PENSANDO COM OS BANDEIRANTES
Com Renato Cymbalista (professor de história da arquitetura e do urbanismo da FAU-USP).
A figura do bandeirante data do final do século XIX, quando aparece a imagem dos paulistas como heróicos desbravadores do território e construtores do território nacional. A partir dessa narrativa, a cidade está repleta de lugares que enaltecem a figura do bandeirante e suas explorações. Nos anos recentes, esses lugares tem sido objeto de protestos e manifestações que apontam para outros aspectos da presença dos bandeirantes no território, como a expulsão ou escravização dos índios. O percurso fará uma reflexão sobre essas representações e esses lugares.
| Dia 25, das 10h às 12h. Ponto de encontro:  Monumento às Bandeiras (Parque Ibirapuera). Inscrições: http://www.spsafari.com/contato (até 30 pessoas, por ordem de inscrição)

OBELISCO E A NARRATIVA HERÓICA DA REVOLUÇÃO DE 1932
Com Karoline Andrade.
O Obelisco do Ibirapuera é um dos maiores monumentos da cidade, mas poucos o conhecem por dentro. De lá, é possível recuperar a narrativa heróica da Revolução de 1932, incluindo painéis em mosaico que tratam da fundação, morte e ressurreição da cidade de São Paulo, sempre enaltecendo o caráter glorioso da luta paulista pela Constituição.
| Dia 25, das 14h às 16h. Ponto de encontro: saguão do Obelisco (Parque Ibirapuera). Inscrições: http://www.spsafari.com/contato (até 30 pessoas, por ordem de inscrição)

VISITAS À VILA ITORORÓ
A Vila Itororó estará excepcionalmente aberta, entre 13h e 17h, no aniversário de São Paulo. O público poderá fazer usos diversos e espontâneos no galpão (brincadeira livre, skate, pique-nique, conversas, ensaios artísticos etc.) e realizar uma visita ao pátio de casas históricas, sendo uma às 14h e outra às 16h. As visitas educativas ao pátio de casas compartilham o andamento do processo de restauro e descrevem a formação da Vila, que contém um pouco da formação da própria cidade. O visitante tem acesso às muitas histórias que compõem a Vila: a sua concepção como uma “casa-monumento” cercada por casas de aluguel, a questão da água como elemento estruturante, o Clube Eden Liberdade e a resistência das famílias que viveram no local nas últimas décadas. O público é estimulado a imaginar, debater e tomar parte nas discussões sobre os usos futuros do espaço, de modo que o sentido da preservação de um patrimônio público seja apropriado coletivamente.
| Dia 25, às 14h e às 16h. Duração: 1h30. Limite de público: até 30 pessoas, por ordem de chegada (não é necessário agendamento prévio). Vila Itororó Canteiro Aberto – Rua Pedroso, 238. Bela Vista/Bixiga. Próximo ao Metrô São Joaquim.

Mais atividades, só clicar:

➡ Programação de circo para adultos e crianças e outras atividades infantis

➡ Programação de teatro infantil

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações de horários de show e eventos, substituições de artistas, alterações de preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções; links rompidos ou inexistentes; informações enviadas com incorreções. Imagens divulgação da Prefeitura de São Paulo, das páginas do Facebook dos artistas, e com licença Creative Commons.

SÃO PAULO 462 ANOS – Bauru do Ponto Chic a R$ 16,90 só amanhã

Amanhã, aniversário de São Paulo, tem o famoso bauru do Ponto chic por R$ 16,90. O big sanduba custa normalmente R$ 24,90. Uma boa oportunidade para se saborear o sanduba que faz parte da história da cidade. Além de gostoso e praticamente uma refeição, a economia será de R$ 8.

Em processo de finalização do bauru na loja Ponto Chic do Paraíso
Em processo de finalização do bauru na loja Ponto Chic do Paraíso

Rodrigo Alves, sócio do Ponto Chic, conta que todas as três lojas da rede estarão abertas oferecendo a promoção. Quem já comeu sabe o quanto o sanduíche é gostoso. E quem ainda não saboreou, é uma excelente oportunidade.

Logo cortadoReceba vale mais  direto no celular 📲. Salve o número 011 9 9985-3577 com o nome vale mais. Mande uma mensagem com a frase Eu quero no WhatsApp. Pronto! Clique e saiba mais.

O bauru Ponto Chic é feito com rosbife, uma camada de tomate, uma de pepino em conserva e uma mistura de quatro queijos. A história do sanduíche está no livro “Ponto Chic, um bar na história de São Paulo”, de Angelo Iacocca (link para compra no final do post).

O “segredo” do bauru é a mistura de queijos utilizada no recheio: prato, suíço e estepe com gouda (estes dois últimos previamente misturados pelo laticínio).

vale mais deu com exclusividade o passo a passo do sanduíche mais famoso de São Paulo _só clicar na foto abaixo para ver!

vale mais revela os segredos do bauru do Ponto Chic em passo a passo recheado de imagens

Clique aqui na foto para saber os segredos do bauru do Ponto Chic em passo a passo recheado de imagens

Ponto Chic – lojas abertas amanhã

Paraíso – Praça Oswaldo Cruz, 26, Todos os dias das 11h às 2 da matina – DELIVERY – (11) 3289-1480 – Estacionamento Av. Bernadino de Campos, 109, antes de chegar ao Ponto Chic (pago, desconto para clientes).

Perdizes – Largo Padre Péricles, 139. Todos os dias das 11h às 2 da matina – DELIVERY – (11) 3826-0500 – Estacionamento pago ao lado (desconto para clientes) ou gratuito no pátio da Igreja São Geraldo.

Livro da Editora Senac SP
R$ 57 na Cultura e Saraiva

Paissandu – Largo do Paissandu, 27, centro. Aberto de segunda a sexta-feira das 11h às 20h. Estacionamento pago na avenida Rio Branco, 66 (desconto para clientes). 

Onde comprar o livro:

CulturaSaraiva

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

Nas redes sociais, é só clicar:

facebook_logo_detail          Logo Pinterest          Twitter_logo_blue        Instagram_Icon_Large          Google+       Logo tumblr azul no transparente

 vale mais não se responsabiliza por alterações de preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções. Imagens exclusivas do blog. Preços de janeiro de 2016 não incluem frete ou delivery.

 

Bituca ajuda o Meio Ambiente

Com as leis anti-fumo cada vez mais fiscalizadas, o pessoal da esquadrilha da fumaça se vê obrigado a fumar em ambientes abertos. A consequência é que calçadas e ruas ficam tomadas por pontas de cigarro. Sujeira!

Exemplos de onde instalar as bituqueiras da Ecocity
Exemplos de onde instalar as bituqueiras da Ecocity

Mas tem empresário que viu no chão cheio de guimbas horripilantes uma oportunidade de negócio. Moral da história: nasceram as bituqueiras. E mais: esse lixo que poluiria rios, mares e ainda por cima com um cheiro horrível, vai até ajudar o Meio Ambiente.

Sara fumando em foto de Javier Ignacio Acuña Ditzel *
Sara fumando em foto de Javier Ignacio Acuña Ditzel *

Recipientes próprios para esse lixo, esses cinzeiros especiais já começaram a se espalhar por São Paulo, no Rio de Janeiro e em outras cidades do país. Em Curitiba, considerada uma das cidades melhor planejadas do Brasil, a empresa Ecocity Soluções Ambientais lançou as suas versões do produto. Melhor: as bitucas recolhidas passam por um processo especial que as transformam em produto para ajudar no crescimento de grama. Isso mesmo, verde!

FOTOS POSTERoberto Façanha, presidente da empresa, conta que no Projeto Bituca Zero, as pontas de cigarro são recolhidas das bituqueiras e se transformam, depois de um tratamento especial, em uma massa que vai até ajudar o Meio Ambiente.

OI?!?!?!?!?!?

Tintim por tintim, vamos lá: esta cadeia que começa no coletor e termina em grama inclui o desenvolvimento, com conjunto com a empresa Conspizza, também de Curitiba, de um modelo de reaproveitamento ecologicamente correto. Em palavras mais técnicas, os tocos de cigarros viram biomassa fertilizante.

Este produto serve de base para o plantio de grama em áreas degradadas, encostas de estradas e até em lixos desativados. “O processo é caro mas tem ótimos resultados. Absorveu a bituca com outros resíduos, como  por exemplo papel moeda, fibras vegetais e outros produtos de compostagem”, complementa o empresário.

Guimbas em lugar impróprio, por Jeremy Brooks **
Guimbas em lugar impróprio, por Jeremy Brooks **

Até hoje ele calcula que mais de 6 milhões de bitucas já ajudaram a fazer grama por aí. A empresa oferece aos interessados duas versões de bituqueiras: uma para piso (R$ 169, para até 2 mil tocos de cigarros) e outra para postes e paredes (R$ 95, recebe até 1 mil tocos). Ah, o fumante não precisa apagar o cigarro antes de jogar, beleza?

Empresas de qualquer porte ou clínicas, escritórios ou qualquer estabelecimento que tenha grande movimento que compram esses coletores precisam aderir ao programa Bituca Zero, que inclui a coleta do lixo dos cigarros.

Em Curitiba uma equipe própria faz esse trabalho uma vez por semana pelo custo de R$ 95 mensais (1 a 2 pontos). Este valor pode chegar a R$ 1 mil mensal _vai depender do número de bituqueiras e coletas necessárias.

Em outras cidades, a empresa participante recebe sacos de plástico e caixas de papelão para enviar as guimbas-lixo pelo Correio quinzenalmente. A taxa para estes clientes vão de R$ 95 a R$ 400 e, claro, também vai depender do número de coletas que serão enviadas para recliclagem. O frete é responsabilidade da empresa.

Façanha também vende bituqueiras de bolso(a) que podem ser reutilizadas, as Ecotucabolso. Um kit com 4 unidades, R$ 15 mais o valor do frete.

No site da empresa não há venda direta, é preciso telefonar ou enviar email.

vale mais já falou de bituqueiras que ajudam o Meio Ambiente – clica aí, você chega lá fácil fácil:

image

imageComo contatar a Ecocity Soluções Ambientais

Site – neste link aqui.

Rua Hipólito da Costa, 1.587, Boqueirão, Curitiba (PR).

ecocitybrasil@gmail.com

Fone +554130710384 e celular, +554192556258

* * * * * * * * * * *

vale mais fala de compras, prestação de serviços, música, cinema, gastronomia, comportamento & o que mais der na telha.

Economize e curta coisas boas – valorize seu dinheiro!

Siga a gente nas redes sociais!

http://www.facebook.com/sigavalemais; Instagram: @sigavalemais; Twitter: @sigavalemais.

Fotos publicadas com licença Creative Commons: * 22 de janeiro de 2011 (Attribution 2.0 Generic); ** 17 de julho de 2013 (Attribution-NonCommercial 2.0 Generic)
vale mais não se responsabiliza por alterações de preços e ausência de produtos nas bancas, lojas, sites e/ou estoque, tampouco durante promoções. Preços pesquisados em 25 de março de 2015 não incluem frete.

Maravilhas vistas no Rio de Janeiro

Chamada FreddieParabéns, Rio de Janeiro! Ô maravilha de cidade, com 450 anos, está inteiraça, cheia de paisagens belíssimas, de cariocas hospitaleiros, garotas de Ipanema, chopps, biquinis, surf, vôlei, esportes ousados…

A noite em Botafogo aos olhos do fotógrafo João Caldas
A noite em Botafogo aos olhos do fotógrafo João Caldas

Natureza exuberante: praias, lagoas, rios, ilhas, pedras, baías. Por do sol que merece aplauso, nascer do dia que recebe quem anda correndo. Tanta imagem prá descrever que faltam palavras.

Cristo olha a cidade, Pedro Kirilos, Riotur, Fotos Públicas (15 de agosto de 2014)
Cristo olha a cidade, Pedro Kirilos, Riotur, Fotos Públicas (15 de agosto de 2014)

O Rio já foi capital federal. Guarda muita história nas ruas, em uma penca de bons museus e institutos culturais. Tem o melhor Carnaval do mundo e os cariocas da gema dizem que nos morros da cidade nasceu o samba. Mas tem funk também. E rap. E passinho.

Caminho imperial de palmeiras no Jardim Botânico de Silvestre Silva
Caminho imperial de palmeiras no Jardim Botânico do fotógrafo especializado em natureza Silvestre Silva
A cidade vista do alto do Pão de Açúcar por sama093, 5 de setembro de 2014, licença Creative Commons
A cidade vista do alto do Pão de Açúcar por sama093, 5 de setembro de 2014, licença Creative Commons

Tem vários morros. No Corcovado, Cristo olha a cidade. No Pão de Açúcar, o bondinho vai e vem com turistas, passeio indispensável. Quem não quer levar em suas câmeras e celulares as vistas maravilhosas do Rio de Janeiro?

Copacabana tem sua marca, registrada pelos arquitetos do escritório holandês Seier + Seier, licença Creative Commons, julho de 2007
A marca de Copacabana registrada pelo escritório holandês de arquitetura Seier + Seier, licença Creative Commons, julho de 2007
Garotinha na Favela da Rocinha aos olhos de Fabio Venni, novembro de 2006, licença Creative Commons
Garotinha na Favela da Rocinha aos olhos de Fabio Venni, novembro de 2006, licença Creative Commons

Mas onde tem morro tem favela. E o Rio sem favela não é o Rio.

Para comemorar o aniversário da segunda maior cidade do país, vale mais escolheu algumas fotos para tentar retratar um pouco de tudo o que a cidade tem.

Rola o post, galera, porque os clicks são de encher os olhos!

Uma cidade sob um grande arco, Alexandre Macieira, Riotur - Fotos Públicas (15 agosto de 2014)
Uma cidade sob um grande arco, Alexandre Macieira, Riotur – Fotos Públicas (15 agosto de 2014)
Ponte Rio Niterói, beleza arquitetônica aos olhos de Tomaz Silva, agência Brasil, Fotos Públicas (1 de março de 2015)
Ponte Rio Niterói, de Tomaz Silva, agência Brasil, Fotos Públicas (1 de março de 2015)
Castelo retirado na Ilha Fiscal, Pedro Kirilos, Riotur, Fotos Públicas (28 fevereiro 2015)
Castelo retirado na Ilha Fiscal, Pedro Kirilos, Riotur, Fotos Públicas (28 fevereiro 2015)
Lapa em cores de Roberto Moretti, março de 2009, Creative Commons
Lapa em cores de Roberto Moretti, março de 2009, Creative Commons
Os reflexos no centro da cidade, Roberto Moretti, licença Creative Commons
Os reflexos no centro da cidade, Roberto Moretti, licença Creative Commons
Maracanã em dia de jogo, , foto de Sama093 feita em 7 de setembro de 2014 com licença Creative Commons
Maracanã em dia de jogo, foto de Sama093 feita em 7 de setembro de 2014 com licença Creative Commons
Beleza na piscina do Instituto Moreira Salles, Suse Kater
Reflexos no Instituto Moreira Salles, no bairro da Gávea, por Suse Kater
Ipanema, entre a Lagoa Rodrigo de Freitas e o mar, Alexandre Macieira, Riotur, Fotos Públicas (28 fevereiro 2015)
Ipanema, entre a Lagoa Rodrigo de Freitas e o mar, Alexandre Macieira, Riotur, Fotos Públicas (28 fevereiro 2015)
O mar da Barra está para surf na prancha de Adriano de Souza, foto de  Ideraldo Gomes, maio de 2011, licença Creative Commons
O mar da Barra está para surf na prancha de Adriano de Souza, foto de Ideraldo Gomes, maio de 2011, licença Creative Commons
E no centro da cidade estão os livros do Real Gabinete Português, foto de Alexandre Macieira, Fotos Públicas (28 de fevereiro de 2015)
E no centro da cidade estão os livros do Real Gabinete Português, foto de Alexandre Macieira, Fotos Públicas (28 de fevereiro de 2015)
Música e sorrisos com pausa para brindar no click de  Gordon Shukwit
O Rio tem sempre música e sorrisos com pausa para brindar no click de Gordon Shukwit
Lugar de por do sol espetacular, Ipanema - Roberto Moretti, março de 2009, licença Creative Commons
Lugar de por do sol espetacular, Ipanema – Roberto Moretti, março de 2009, licença Creative Commons
O Rio também é a Cidade do Rock In Rio - e aqui o show é de Alicia Keys - Sebástian Freire, 15 de setembro de 2013, licença Creative Commons
O Rio também é a Cidade do Rock In Rio – e aqui o show é de Alicia Keys – Sebástian Freire, 15 de setembro de 2013, licença Creative Commons
Justin Timberlake no Rock In Rio de Sebástian Freire, 15 de setembro de 2013, licença Creative Commons
Justin Timberlake no Rock In Rio de Sebástian Freire, 15 de setembro de 2013, licença Creative Commons
E a mulata continua a tal no Carnaval do ano passado de Nicolas de Camaret, Marquês de Sapucaí, Licença Creative Commons
E a mulata continua a tal no Carnaval do ano passado de Nicolas de Camaret, Marquês de Sapucaí, Licença Creative Commons

E Rio de Janeiro é onde Freddie Mercury teve um dos melhores momentos de sua carreira, como ele declarou. Veja o video do cantor na apresentação do primeiro Rock in Rio, 1985. Imperdível “Love of My Life”! Se não viu, vai ver agora:

Pão de Açucar. Foto: Alexandre Macieira/ Riotur
Linhas que unem no Pão de Açúcar em foto de Alexandre Macieira, Riotur, Fotos Públicas
E as linhas de João Caldas na cidade vista de Niterói
E a cidade maravilhosa de João Caldas vista a partir de Niterói
Delicadeza na samambaia do Jardim Botânico de Jimmy Baikovicius, julho de 2013, licença Creative Commons
Delicadeza na samambaia do Jardim Botânico de Jimmy Baikovicius, julho de 2013, licença Creative Commons

* * * * * * * * * * *

Largo do Boticário, no Cosme Velho, por Fernando Frazão, Agência Brasil, Fotos Públicas (1 de março de 2015)
Largo do Boticário, no Cosme Velho, por Fernando Frazão, Agência Brasil, Fotos Públicas (1 de março de 2015)

João Caldas é paulistano, especializou-se em fotos de artes cênicas. Conheça mais do seu trabalho no livro “Teatros” neste link aqui;

 Silvestre Silva tem três livros publicados: “Árvores Nativas do Brasil Vol. 01″ neste link aqui e “Frutas Nativas do Brasil Vol. 1 e 2″neste link aqui  e “ Frutas da Amazônia Brasileira”, neste link aqui.

* * * * * * * * * * * * * * *

Comunidade da Rocinha, Tomaz Silva, Agência Brasil, Fotos Públicas (1 março 2015)
Comunidade da Rocinha, Tomaz Silva, Agência Brasil, Fotos Públicas (1 março 2015)

 vale mais fala de compras, prestação de serviços, música, cinema, gastronomia, comportamento & o que mais der na telha.

Grafites na avenida Jardim Botânico, Jimmy Baikovicius, julho de 2013, licença Creative Commons
Grafites na avenida Jardim Botânico, Jimmy Baikovicius, julho de 2013, licença Creative Commons

Economize e curta coisas boas.

♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

Siga a gente nas redes sociais!

www.facebook.com/sigavalemais;

Instagram: @sigavalemais;Twitter: @sigavalemais.

Até logo mais!

Todos os olhos para São Paulo

Para homenagear os 461 anos de Sampa, como é carinhosamente chamada a maior e principal cidade do país, vale mais preparou uma seleção de imagens belíssimas.

De longe ou de perto, você vai ver agora uma São Paulo diferente através dos olhos de brasileiros e estrangeiros que curtem o pedaço. Parabéns, São Paulo!

JK x FL - cruzamento das avenidas Faria Lima e Juscelino Kubtscheck, por João Caldas
JK x FL – cruzamento das avenidas Faria Lima e Juscelino Kubitscheck, por João Caldas
Parque do Ibirapuera por Silvestre Silva, entardecer de um domingo maravilhoso
Parque do Ibirapuera por Silvestre Silva, entardecer de um domingo maravilhoso
Grafites ajudam a deixar a cidade mais interessante - Paulo Ito, Thiago Mundano , Beto Silva , Alex Senna e Andre Farkas mostram Santo Amaro no cruzamento da avenida Santo Amaro com Roberto Marinho em foto de Ito
Grafites ajudam a deixar a cidade mais interessante – Paulo Ito, Thiago Mundano , Beto Silva , Alex Senna e Andre Farkas mostram Santo Amaro no cruzamento da avenida Santo Amaro com Roberto Marinho em foto de Ito
A Janela Aberta de Marcus Castro, janeiro de 2008, licença do Creative Commons
A Janela Aberta de Marcus Castro, janeiro de 2008, licença do Creative Commons
Por dentro do Edifício Martinelli, o primeiro arranha-céu da cidade, por Fritz Simmons
Por dentro do Edifício Martinelli, o primeiro arranha-céu da cidade, por Fritz Simons
O jornalista André Deak combinou retas e curvas diversas que habitam o centro-coração da cidade
O jornalista André Deak combinou retas e curvas diversas que habitam o centro-coração da cidade
Evolução no grafite de Paulo Ito no aeroporto de Congonhas
Evolução no grafite de Paulo Ito no aeroporto de Congonhas
Theatro Municipal, foto da Embratur - Fotos Públicas, 15 de agosto de 2014
Theatro Municipal, foto da Embratur – Fotos Públicas, 15 de agosto de 2014
Esta é uma parte da cidade que integra um álbum recheado de boas escolhas do norte-americano Gordon Shukwit
Esta é uma parte da cidade que integra um álbum recheado de boas escolhas do norte-americano Gordon Shukwit, licença do Creative Commons
Jardins do agora fechado Museu do Ipiranga, janeiro de 2008, por Marcus Castro, licença do Creative Commons
Jardins do agora fechado Museu do Ipiranga, janeiro de 2008, por Marcus Castro, licença do Creative Commons
A São Paulo de Nicolas de Camaret, março de 2012, licença do Creative Commons
A São Paulo de Nicolas de Camaret, março de 2012, licença do Creative Commons
No centro da cidade, Sacada, Andre Deak, 11 de fevereiro de 2011, licença do Creative Commons
No centro da cidade, Sacada, Andre Deak, 11 de fevereiro de 2011, licença do Creative Commons
Relógio no centro da cidade, por Fritz Simmons
São Paulo não pode perder a hora – relógio no centro da cidade, pelo alemão Fritz Simons
Panorama do Hotel Unique em foto de seier+seier, em abril de 2006 com licença do Creative Commons
Panorama do Hotel Unique em foto de seier+seier, em abril de 2006 com licença do Creative Commons
Por dentro do Masp com seier+seier,  licença do Creative Commons
Por dentro do Masp com seier+seier, licença do Creative Commons
E de repente, a cidade se vê tomada pela decoração de Natal no meio do caminho em pleno Vale do Anhangabaú, retrata Marcus Zorbis no dia 24 de dezzembro de 2007
E de repente, a cidade se vê tomada pela decoração de Natal no meio do caminho em pleno Vale do Anhangabaú, retrata Marcus Zorbis no dia 24 de dezembro de 2007, licença Creative Commons
A cidade, à noite, por Diego Torres Silvestre em maio de 2009 com licença do Creative Commons
A cidade, à noite, por Diego Torres Silvestre em maio de 2009 com licença do Creative Commons
Monumento às Bandeiras, Marcus Castro, licença do Creative Commons
Monumento às Bandeiras, de Victor Brecheret, por Marcus Castro, licença do Creative Commons
A avenida 23 de Maio, famoso corredor que une zona norte à sul, por Davi Martins em dezembro de 2011, licença Creative Commons
A avenida 23 de Maio, famoso corredor que une zona norte à sul, por Davi Martins em dezembro de 2011, licença Creative Commons
Música e grafite, dupla mais que perfeita captada no Beco do Batman por Gordon Shukwit
Música e grafite, dupla mais que perfeita captada no Beco do Batman por Gordon Shukwit
Maria Martins - À procura da luz - Parque da Luz, centro
Á Procura da Luz, registro da estátua do Parque da Luz, centro, por Maria Martins, licença do Creative Commons e parte do projeto Arte Fora do Museu
Secando, saída de metrô da estação da Luz, por João Caldas
Secando, saída de metrô da estação da Luz, por João Caldas
Os muros cheios de ilusão que crescem cada vez mais na cidade, por Suse Kater
Muros que nos iludem e quase nos confundem, em Pinheiros, por Suse Kater
Alfredo Mathias registou o olho do furacão que é a escadaria do Shopping Grandes Galerias, conhecida como a Galeria do Rock, no centro
Alfredo Mathias registrou o olho do furacão, Galeria do Rock, no centro, licença do Creative Commons
O Edifício Banco de São Paulo aos olhos de Álvaro Botelho, projeto Arte Fora do Museu, licença Creative Commons
O Edifício Banco de São Paulo aos olhos de Álvaro Botelho, projeto Arte Fora do Museu, licença Creative Commons
São Paulo em foto tirada do 30 andar de um edifício na alameda Santos de Rafael Rigues em abril de 2008 com licença do Creative Commons
A São Paulo de Rafael Rigues, que estava no 30º andar de um edifício na al. Santos, em abril de 2008, licença do Creative Commons

João Caldas é paulistano, especializou-se em fotos de artes cênicas. Conheça mais do seu trabalho no livro “Teatros” neste link aqui;

 Silvestre Silva escolheu sua foto favorita do parque Ibirapuera para vale mais. Ele diz “O Ibirapuera é a minha Praia, minha Mata e minha Terrapia”. Publicou três livros, “ Árvores Nativas do Brasil Vol. 01″ neste link aqui e “Frutas Nativas do Brasil Vol. 1 e 2″ neste link aqui  e “ Frutas da Amazônia Brasileira”, neste link aqui;

♥ Paulo Ito é paulistano e completou 37 anos ontem, aniversário da cidade. Por isso se chama Paulo;

♥ André Deak está à frente do www.arteforadomuseu.com.br e é diretor da empresa Liquid Media Laab.

vale mais fala de compras, prestação de serviços, música, cinema, gastronomia, comportamento & o que mais der na telha.

Economize e curta coisas boas – valorize seu dinheiro!

Siga a gente nas redes sociais!

http://www.facebook.com/sigavalemais; Instagram: @sigavalemais;Twitter: @sigavalemais.

Até logo!

Amanhã, bauru do Ponto Chic com descontaço

Para comemorar os 461 anos de São Paulo, a rede de lanchonete-restaurante-bar Ponto Chic vai cobrar somente amanhã R$ 14,90 pelo seu famoso bauru. Isso significa simplesmente R$ 8,40 a menos que o preço do cardápio _economia que vale por um sanduba de queijo quente em bares comuns da cidade.

Feito com rosbife, uma camada de tomate, uma de pepino em conserva e uma mistura de quatro queijos, o famoso sanduíche já faz parte da história da maior cidade do país. Tanto que virou tema do livro “Ponto Chic, um bar na história de São Paulo”, de Angelo Iacocca (link para compra no final do post).

Só falta o último bauru receber o pão com os queijos derretidos
Só falta o último bauru receber o pão com os queijos derretidos – R$ 14,90 cada na promoção

Lanche que vale por uma refeição, poderá ser devorado amanhã com o dia todo com esse descontaço nas duas unidades da rede que permanecem abertas _em Perdizes, zona oeste da cidade, e no Paraíso, na zona sul. Este preço comemorativo não vale para delivery, beleza? Cheque endereços, fone e horários no final do post. De segunda a sexta-feira, esse mesmo preço promocional vale se for consumido das 15h às 19h. Hoje o preço é normal, R$ 23,30, explica Rodrigo Alves, um dos sócios da rede.

Cartaz da promoção de aniversário de São Paulo
Cartaz da promoção de aniversário de SP

Prato obrigatório para paulistanos e turistas, o bauru do Ponto Chic fez sucesso e tornou-se um prato cult por causa da sua exclusiva mistura de queijos _prato, suíço e estepe com gouda (estes dois últimos previamente misturados pelo laticínio). Não há  quem não tenha provado um. E se você ainda não o conhece pessoalmente, ah, amanhã é uma boa oportunidade…

vale mais publicou no dia 12 de janeiro passado o passo a passo do sanduba feito na unidade da rede situada no Paraíso. Para revelar os segredos de como é feito, desde a gaveta de aço inox onde o pão francês fica armazenado, até chegar na mesa do cliente ou na caixa para viagem, mostramos 27 fotos DELICIOSAS. Só clicar na foto aqui de baixo, ó, que um link te leva ao post completo.

vale mais revela os segredos do bauru do Ponto Chic em passo a passo recheado de imagens
Clique aqui na foto para saber os segredos do bauru do Ponto Chic em passo a passo recheado de imagens

Ponto Chic – lojas abertas amanhã

Paraíso – Praça Oswaldo Cruz, 26, Todos os dias das 11h às 2 da matina – DELIVERY – (11) 3289-1480 – Estacionamento Av. Bernadino de Campos, 109, antes de chegar ao Ponto Chic (pago, desconto para clientes).

Perdizes – Largo Padre Péricles, 139, Todos os dias das 11h às 2 da matina – DELIVERY – (11) 3826-0500 – Estacionamento pago ao lado (desconto para clientes) ou gratuito no pátio da Igreja São Geraldo.

Livro da Editora Senac SP
Livro da Editora Senac SP

Ponto Chic – um bar na história de São Paulo, de Angelo Iacocca, por R$ 55,90 neste link direto da Editora Senac SP.

vale mais fala de compras, prestação de serviços, música, cinema, gastronomia, comportamento & o que mais der na telha.

Economize e curta coisas boas – valorize seu dinheiro!

Siga a gente nas redes sociais!

http://www.facebook.com/sigavalemais; Instagram: @sigavalemais; Twitter: @sigavalemais. Até logo!

vale mais não se responsabiliza por alterações de preços e ausência de produtos nas bancas, lojas, sites e/ou estoque, assim como  na duração e garantia de produtos em promoções. Preços pesquisados em 22 de janeiro de 2015 não incluem cobrança de taxas de serviços.

Jorge Benjor, boa pedida dos shows gratuitos que comemoram 461 anos de São Paulo

Neste domingo, 25 de janeiro, a maior cidade do país completa 461 anos. Parabéns, São Paulo!!

Para comemorar, a prefeitura programou uma maratona de shows gratuitos que tem Jorge Benjor como a principal atração.  Benjor, consagrado em  todo o mundo como o músico-ícone do samba rock, toca no domingo, às 16h, no palco do Centro Esportivo e de Lazer Tietê, no bairro da Luz, centro da cidade.

Jorge Benjor clicado por Aurélio Vinicius em setembro de 2009 com licença do Creative Commons
Jorge Benjor clicado por Aurélio Vinicius em setembro de 2009 com licença do Creative Commons

Jorge Benjor clicado por Aurélio Vinicius em setembro de 2009 com licença do Creative Commons

Prepare-se, porque vai ter muito suingue nesse som. Sempre, sempre muito bom e dançante, Benjor selecionou sucessos como “Chove chuva”, “Por causa de você” e “Telefone” prá tocar prá moçada.

A roqueira Pitty, foto de Luiz Alberto Fiebig Junior em agosto de 2007 com licença do Creative Commons
A roqueira Pitty, foto de Luiz Alberto Fiebig Junior em agosto de 2007 com licença do Creative Commons

O intensivão de shows se espalha por mais quatro palcos nas zonas norte, sul, leste e oeste. As festividades começam no sábado às 13h com Dead Rocks no palco da zona  leste, situado no  Parque Linear Rio Verde, e com o Grupo Planta e Raiz, na zona norte da cidade, em palco instalado no final da Av. Engenheiro Caetano Álvares, em Santana.

Nesse mesmo local, a roqueira e baiana Pitty homenageia a cidade no sábado, 20h. Domingo,  16h, tem a Velha Guarda da Camisa Verde com Paula Lima _mistura que promete.

A cantora Paula Lima em foto de Luciano Piva, TV Brasil -  EBC com licença Creative Commons
A cantora Paula Lima em foto de Luciano Piva, TV Brasil – EBC com licença Creative Commons

O inesquecível Odair José, que faz o estilo brega, se apresenta sábado, 17h, no palco da zona sul, situado na Av. do Arvoeiro, s/n, Parque das Árvores, Grajaú, que também recebe a banda mais que paulistana Ira!, programada para 21h.  A banda Ira! retornou aos palcos na Virada Cultural do ano passado e promete em seu repertório deste show as canções “Longe de tudo”, “Flerte fatal”, “Dias de luta” e “Envelheço na cidade”.

Nação Zumbi, Tribo de Jah, e Baile do Simonal são outros que estão nessa festança. Alice Caymmi e Flora Mattos, presentes!

Confira aqui a programação completa dos shows organizados pela Prefeitura para comemorar o aniversário da maior e mais importante cidade do país, e os endereços dos 5 palcos.

Palco Zona Oeste, situado no Largo da Batata

Dia 24, sábado

14h – Fanta Konatê
15h30 – Ilú Oba de Mim
16h30 – Negro Léo
18h – Patife Band
19h30 – Alice Caymmi
21h15 – Dona Onete

Dia 25, domingo

14h – Pérola Negra
15h – Nômade Orquestra
16h – Jazz in Roots
16h30 – Chucrobillyman
17h – Metá Metá
19h – Nação Zumbi

Apresentação: Catarina Dee Jah

Performances
Keröáska – formado por: Kaloan Meenochite, Pilantröpóv e Diego Monte Alto

Projeções
– Luiza Šø
– Gregorio Gananian e Gabriel Kerhart
– Bruno Nogueira

Luzes
– Paulinho Fluxus

Palco Zona Leste, situado no Parque Linear Rio Verde, Rua Tomazzo Ferrara, s/nº

Dia 24, sábado

13h- Dead Rocks
14h- Mamagumbo
15h- Rafael Castro
16h30- Jonnatan Doll
18h- Tigre Dente de Sabre
20h- Pitty

Apresentação: Daniel Belleza

Dia 25, domingo

12h30 – Capoeira União dos Palmares
13h – Parabola
13h40 – Capoeira União dos Palmares
14h – FL&Maskot
14h40 – Capoeira União dos Palmares
15h – Carolina Soares
15h40 – Samba Rock – Aula
16h – Velha Guarda do Camisa Verde convida Paula Lima
17h – Samba Rock – Aula
17h20 – Lei Di Dai
18h10 – Samba Rock – Aula
18h30 – De Menos Crime
19h30 – Intervalo
20h30 – Tribo de Jah

Apresentação: Fernando Macário

Palco Zona Sul, situado na Av. do Arvoeiro, s/n, Pq das Arvores, no Grajaú

Dia 24, sábado

14h – Iara Rennó
15h30 – Tarântulas e Tarantinos
17h – Odair José
18h45 – Golpe de Estado
21h – Ira!

Intervalos: DJ Don KB

Dia 25, domingo

Abertura – Capoeira
14h – Grupo Recepção
15h15 – Carlos Dafé
17h – Thaíde convida Detentos do Rap
18h30 – Pagode da 27 convida Sombrinha
19h45 – Almir Guineto

Intervalos: Costa Senna

Palco Zona Norte, situado no final da Av. Engenheiro Caetano Álvares, altura do número 7.000, em Santana

Dia 24, sábado

Apresentador: Lenda ZN

13h – Planta e Raiz
14h – Núcleo Pavanelli de Teatro de Rua e Circo
15h – Jica Y Turcão
15h30 – Karina Buhr
16h30 – Vivendo do Ócio
17h30 – Dance of Days
18h30 – Dead Fish
19h30 – Diabos Mutantes
20h – Krisiun

Dia 25, domingo

Apresentador: Lenda ZN

12h – Quilombo Hi Fi
13h – Jr. Dread
14h30 – Green Team + Rincon
16h – Sombra
17h – Inventivos
18h – Leandro Lehart
19h30 – Flora Matos
21h – Baile do Simonal

Palco do Centro, que fica no Centro Esportivo e de Lazer Tietê, na Avenida Santos Dumont, 843 – bairro da Luz

Dia 25, domingo

16h – Clube do Balanço e Jorge Ben Jor

vale mais fala de compras, prestação de serviços, música, cinema, gastronomia, comportamento & o que mais der na telha.

Economize e curta coisas boas. Valorize seu dinheiro!

Siga a gente nas redes sociais!

http://www.facebook.com/sigavalemais; Twitter: @sigavalemaisInstagram: @sigavalemais;

vale mais não se responsabiliza por alterações de preços e ausência de produtos nas bancas, lojas, sites e/ou estoque, assim como pela duração e garantia de produtos em promoções, ou pelas alterações de datas e artistas presentes em eventos.

Mãos no volante e ouvidos no pen drive

Ouviu essa? O pen drive musical parece ser uma boa solução para motoristas, caminhoneiros e qualquer pessoa que passe um bom tempo ao volante do carro. Pequenininho, ele carrega centenas ou milhares de músicas já gravadas. É um ótimo companheiro de jornada para quem pega estradas Brasil afora ou para quem precisa suportar trânsito pesado ou congestionamentos. E que não quer abrir mão de curtir música.

No verso do folheto, o conteúdo
No verso do folheto, o conteúdo
Pen drive musical, R$ 39,90
Pen drive musical, R$ 39,90

Para quem não conhece, o pen drive é um hardware, ou também veículo que carrega toneladas de informação… Explicando no informatiquês, gigas de dados, ou, melhor ainda, muuuuiiiiiita coisa,  e pode ser conectado em computadores ou aparelhos de som com entrada USB.

Atualmente boa parte dos aparelhos, para residência ou automóveis, já tem essas características

Bem, nesse pen drive, que pode ter capacidade menor ou bem maior de armazenamento, dá para guardar centenas ou até milhares de músicas. E já tem quem oferte a sua versão do pen drive musical, já lotado com músicas.

Estante com opções de pen drive musicais
Estante com opções de pen drive musicais

No posto de combustíveis que fica na rodovia do Açúcar no trevo de entrada para a cidade de Elias Fausto, no Estado de São Paulo (onde circula muito caminhão com cana de açúcar, claro), há várias opções. Qualquer uma delas custa R$ 39,90. Todas tem cerca de 1.000 músicas.

Tem seleção de música sertaneja, as melhores músicas dos anos 60, 70, 80 e 90. Tem pen drive musical com estilos para dar e vender.

Na Internet, o site www.pendrivemusical.com promete entregar em todo o país e em até 48 horas nas capitais. O site se diz contra a pirataria e informa que “todas as músicas contidas nos pen drive que comercializa são encontradas livremente na Internet para fins de divulgação”. Mais aqui neste link.

Se você preferir, compre um pen drive e baixe suas músicas preferidas, gratuitamente ou pagas. Na Americanas, um com capacidade para 8 gigas custa a partir de R$ 14,90 aqui neste link, mesmo preço do Extra, aqui neste link.

Na Kalunga, por R$ 22,90 aqui neste link.

Então, pé na estrada e ouvido no pen drive.

vale mais fala de compras, serviços, música, cinema, gastronomia, comportamento & o que mais der na telha. Economize e curta coisas boas.

Siga a gente nas redes sociais!

http://www.facebook.com/sigavalemais;  Instagram: @sigavalemaisTwitter: @sigavalemais.

Boas compras e até logo mais!

 vale mais não se responsabiliza por alterações de preços e ausência de produtos nas lojas, sites e/ou estoque. Preços pesquisados em 31 de dezembro de 2014 e 1° de  janeiro de 2015 não incluem valor do frete.

Tapete de fera na porta de casa

As feras continuam soltas. A forte tendência animal print lotou armários, sapateiras e agora ocupou espaço na sala da sua casa. Para quem quer pisar na onça, zebra ou leopardo, o tapete é o caminho.

Tapete de couro bovino da Tapetes & Cia vendido na rua
Tapete de couro bovino da Tapetes & Cia vendido na rua
Sylvio e seu Santana Quantum coberto por tapetes
Sylvio e seu Santana Quantum coberto por tapetes

E você não precisa de muito esforço para comprar. Sylvio Alexandre Luchiari percorre São Paulo vendendo tapetes em couro bovino serigrafados sob medida a bordo de seu Santana Quantum. Ele roda a cidade, escolhe um ponto, estaciona e cobre seu carro com a mercadoria.

Opções da Tapetes & Cia
Opções da Tapetes & Cia

Os produtos são feitos pela Tapetes & Cia, com sede na cidade gaúcha de Lindolfo Collor.  Ele garante que seu preço é imbatível: R$ 240 o metro quadrado. Na versão para quarto, um tapete com 1 m x 50 centímetros sai por R$ 120.

Whats completo

Precisa de um tapete para a sala, bem maior? Não tem problema. É só encomendar que depois ele entrega na sua casa. O produto é bem acabado. Os contatos e fones da empresa estão no site, aqui neste link direto.

Tapete de veludo Marbella Safari Leopardo, da Mobly
Tapete de veludo Marbella Safari Leopardo, da Mobly

Se preferir, na Internet a Mobly tem várias opções de formatos e preços. O material é poliéster e polipropileno. O tapete de veludo Marbella Safari Leopardo de 1,98 x 3,00 metro é vendido por R$ 489. Veja todas as opções neste link direto.

Onça, Casa Fortaleza
Onça, Casa Fortaleza
Casa Fortaleza, pele natural serigrafada - zebra
Zebra, Casa Fortaleza

A Casa Fortaleza também tem suas versões do consagrado padrão. Mas o site da rede mais que conhecida não tem vendas e nem preços. Vale a pena conferir as opções em couro bovino neste link aqui.

   O blog da Casa Show dá as seguintes dicas para quem vai usar um tapete animal print:

– Procure equilibrar a decoração usando artigos neutros, com tonalidades discretas como branco, preto e bege;

– Não misture os padrões de estampa. Se a almofada for estampa de zebra, não é boa ideia usar um tapete de leopardo;

– A estampa étnica não passa despercebida em nenhuma circunstância. Use-a com bom senso para ser percebido pelo bom gosto e não pelo exagero. Um pouco mais neste link aqui.

Amostras de desenhos animal print
Amostras de desenhos animal print

O tema oncinhas & outros bichos em calçados femininos e masculinos já foi tema no post Pegada animal, de vale mais do dia 8 passado _confira neste link aqui

Telefones:

Casa Fortaleza – atendimento residencial: (11) 2223-2934;

Mobly – Televendas – (11) 4302-5061; (21) 3512-0082; (31) 3508-8325 – outras capitais neste link aqui;

Tapetes & Cia – (11) 9-9235-5596.

vale mais fala de compras, serviços, cinema, gastronomia, comportamento e o que mais der na telha. Economize e curta coisas boas

Curta o blog nas redes sociais _assim você segue a gente!

http://www.facebook.com/sigavalemais

Instagram: @sigavalemais

Twitter: @sigavalemais

Boas compras e até sexta-feira!

vale mais não se responsabiliza por alterações de preços e ausência de produtos nas lojas, sites e/ou estoque. Preços pesquisados em 16 de dezembro de 2014 não incluem valor do frete.