Arquivo da tag: Dicas para Black Friday

BLACK FRIDAY 2017 – 8 dicas para comprar bem

A Black Friday 2017 vem aí e é bom se preparar para não entrar em nenhuma roubada. O evento promete descontos grandes e para que o dia realmente se torne uma boa oportunidade de compra, vale mais seguir algumas dicas. Para quem já experimentou a data e para os consumidores que, pela primeira vez, pretendem adquirir o iPhone dos sonhos, a geladeira cheia de mimimi, uma TV cheia de recursos, calçados, games ou uma conjunto de panelas novas.

Movimento no comércio da rua Teodoro Sampaio, em Pinheiros, durante o Black Friday do ano passado, foto Rovena Rosa, Agência Brasil

Logo que possível, sente no seu computador ou pegue seu celular para se dar bem no dia 24 de novembro. Vou direto ao assunto:

1- Faça uma lista do que deseja ou precisa comprar. Evitar o impulso e o desejo momentâneo por um produto é passo importante para evitar gastos que depois a gente não dá conta;

Americanas diz quais os departamentos mais procurados na Black Friday do ano passado

2- Procure sites confiáveis como os das grandes redes ou lojas conhecidas e coloque teu email para receber informações sobre o evento. O site que se diz oficial do evento também tem chamada para as pessoas se cadastrarem, aqui.

Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲.
Salve o número
011 9 9985-3577 e
envie a frase Eu Quero no WhatsApp. Pronto!

3- Se escolher loja pequena ou redes desconhecidas, e, principalmente, que prometem grandes descontos ou preços muito baixos, consulte antes esta lista: ➡ Procon informa sites que devem ser evitados. Se a loja estiver citada, procure outra, mesmo que o preço esteja maior;

4- Escolha os produtos que pretende comprar e registre o preço e as lojas confiáveis. Você pode dar um “print screen” e arquivar, ou marcar no seu caderno de anotações. As vezes é bom registrar mais de uma loja online, pois no dia a diferença de preços que você anotou pode se inverter;

5- Compare preços: sites que só fazem isso como o Buscapé e o Zoom ajudam, e muito, na hora de saber quem pode oferecer o preço mais baixo. Bacana que esses sites têm, para a maioria dos produtos, um gráfico que indica a variação dos preços. Consulte!

6- Cheque as formas e condições de pagamento da loja que pretende comprar para não se enrascar em opções com juros;

7- Verifique prazos para entrega, valores de frete e se há opção de se retirar na loja (que não cobra frete). Ah, não esqueça de ver a política para devolução de produtos, caso venha com defeito ou alguma avaria. Durante o evento pode haver mudanças. Fique atento!

8- Faça seu cadastro com antecedência com dados corretos e que incluam email de uso diário e todos os endereços para entrega _vale incluir endereços de parentes e amigos que deseje presentear, assim o produto segue direto. Claro, também inclua dados para cobrança, se usar cartão de crédito.

Black Friday, uma ação de vendas que pode oferecer descontos em lojas e online

Aqui no blog vamos dar mais dicas antes, durante e depois do evento. Só seguir a gente!

vale mais

Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana

 vale mais não se responsabiliza por alterações de preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções; links rompidos ou inexistentes; informações enviadas com incorreções.Imagens Agência Brasil e Pixabay.
Anúncios

BLACK FRIDAY – 10 dicas para evitar roubadas

Quer se dar bem na Black Friday? Prepare-se, porque a tentação vai ser grande e os apelos das grandes redes _e de lojas pequenas também_ serão contínuos. Para não entrar em uma fria, vale a pena seguir algumas dicas que o Procon do Rio de Janeiro sugere para as compras do dia de preços que se espera mais baixos em todo o ano.

1 – Evite as tentações da compra por impulso: tenha em mente que você deve pesquisar o produto que você quer. Compare preços.

As tentações nas ruas serão grandes, como mostra a Agência Brasil em foto da Black Friday do ano passado
As tentações nas ruas serão grandes, como mostra a Agência Brasil em foto da Black Friday do ano passado

2 – É sempre bom verificar se a loja é de confiança: confira, principalmente em compras pela internet, se a empresa fornece o CNPJ, o endereço físico e os meios de contato. Pesquise a reputação da empresa antes da compra.

3 – Nas compras pela internet ou por telefone, o consumidor tem um prazo de 7 (sete) dias para se arrepender, cancelar a compra e receber o seu dinheiro de volta: não precisa de motivo para não querer mais o produto. É um direito do consumidor, neste prazo, devolver o produto e ter o seu dinheiro de volta. Mas, lembre-se: esse prazo vale apenas para compras feitas fora de lojas físicas, como em sites ou por telefone.

BLACK FRIDAY -Como comprar online sem entrar em furadas

Black Friday – Comprador pode devolver produto, esclarece advogado

4 – Em caso de erro por parte do fornecedor ou defeito do produto, o consumidor tem várias opções de ressarcimento: depois da compra, caso haja algum erro na entrega, o produto venha com defeito, faltando peças ou esteja esgotado, o consumidor tem o direito de escolher entre o cumprimento da oferta, a troca por um produto equivalente ou a devolução do dinheiro.

Logo whatsapp Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲 . Crie um contato para vale mais no número  011 9 9985-3577 e envie a frase Eu quero no WhatsApp. Pronto!

5 – Acompanhe os preços dos produtos que deseja antes da Black Friday: um auxílio para essa tarefa são os sites de comparação de preços, especialmente aqueles que oferecem um histórico do valor do produto. Guarde a pesquisa.

Selo no site do Procon do Rio de Janeiro para alertar consumidores a não cair em fria amanhã
Selo no site do Procon do Rio de Janeiro para alertar consumidores a não cair em fria amanhã

6 – O preço promocional não anula os direitos do consumidor: os direitos relativos à troca do produto com defeito, por exemplo, permanecem mesmo que ele esteja em promoção.

7 – As informações sobre preço, prazo e entrega devem estar em destaque: o consumidor tem de ter acesso a estas informações sem que seja necessário chamar um vendedor ou atendente da loja para obtê-las.

8 – O consumidor deve reclamar em caso de mudança na oferta ou qualquer dificuldade no ato da compra: se o site estiver instável ou se o preço variar durante a compra, salve as informações e faça uma reclamação à empresa. A oferta deve ser cumprida de acordo com a divulgação.

9 – O consumidor pode escolher em que parte do dia vai receber em casa o produto comprado: no Estado do Rio, a lei garante ao consumidor o direito de escolher o turno (manhã, tarde ou noite) de entrega do produto.

10 – Salve ou imprima tudo que for relacionado à compra: o consumidor deve sempre guardar a oferta, o pedido, o comprovante de pagamento, o contrato e os anúncios publicitários relacionados ao produto que você adquiriu.

Facebook e Twitter para denúncia

Excepcionalmente amanhã, quem quiser denunciar problemas relativos a ofertas da Black Friday poderá fazê-lo pelo Facebook ou pelo Twitter do Procon Estadual com a hashtag #proconrjnablackfriday.  Anexe na denúncia documentos, como fotos ou imagens de páginas da internet que comprovem o problema.

Caso prefira abrir uma reclamação formal, deverá usar o Procon Online ou o aplicativo gratuito Meu Procon-RJ, para smartphones com Android ou iOS.

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações de preços ou descontos ditos irreais das empresas citadas; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções; links rompidos ou inexistentes; informações enviadas com incorreções. Imagens dos sites das empresas citadas. Preços de 24 de novembro de 2016.