Arquivo da tag: São Paulo

📽 DE GRAÇA ATÉ DOMINGO – Rock, pop, rap, punk e mais música no festival de documentários In-Edit

Astros do rock internacional e músicos de primeiríssima aqui do Brasil e de tantos outros países são os personagens centrais do In-Edit, 9º Festival Internacional do Documentário Musical, que termina domingo em São Paulo. Tem muitos filmes de fazer a gente babar e, melhor, a entrada é gratuita (com exceção do SESC).

“O Som do Tempo”, documentário de Arthur Azevedo Moura

Para quem não conhece, o festival nasceu em Barcelona em 2003. Atualmente rola em vários países, entre os quais Espanha, Chile, Grécia, México e Colômbia. No Brasil, o InEdit acontece desde 2009.

 ❤ Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲.
Salve o número
011 9 9985-3577 e
envie a frase Eu Quero no WhatsApp. Pronto!

Tem docs de vários lugares do mundo em várias mostras. E este ano comemora-se 40 anos do surgimento do punk, movimento ou explosão contracultural que estourou de forma inesperada e deixou todos de cabelo em pé. Em meses, um novo som, uma nova estética, uma nova maneira de viver e pensar que saiu do mundo underground em vários países e foi parar na mídia.

Olha só a programação de hoje até domingo, 25 de junho:

Sexta, 23/06
SPCINE OLIDO
15h00 – SOTAQUE ELÉTRICO
17h00 – EU, MEU PAI E OS CARIOCAS*
19h00 – O PIANO QUE CONVERSA*
CCSP – SPCINE LIMA BARRETO
15h30 – ONILDO ALMEIDA – GROOVE MAN
17h30 – O SOM DO TEMPO
20h00 – SUPER ORQUESTRA ARCOVERDENSE
MATILhA CULTURAL
15h30 – BREAKING A MONSTER
17h30 – PUNK ATTITUDE
19h30 – THE FILTH AND THE FURY
“A plebe é rude”, documentário de Diego da Costa e Hiro Ishikawa sobre a banda de rock de Brasília
Sábado, 24/06
SPCINE OLIDO
15h00 – SERGUEI, O ÚLTIMO PSICODÉLICO*
17h00 – PERDIDO EM JÚPITER
19h00 – BOTINADA! A ORIGEM DO PUNK NO BRASIL
CCSP – SPCINE LIMA BARRETO
15h00 – SEM DENTES
17h30 – 82 MIN.
20h00 – PLEBE RUDE*
CINEMATECA – SALA BNDES
16h00 – RUMBLE: THE INDIANS WHO ROCKED THE WORLD
18h00 – CHASING TRANE
20h00 – WHITNEY “CAN I BE ME”
CINEMATECA – SALA PETROBRAS
15h30 – ROGÉRIO DUARTE, O TROPIKAOSLISTA
17h15 – LOKI – ARNALDO BAPTISTA
19h30 – FILME VENCEDOR – JURI OFICIAL
MATILhA CULTURAL
15h30 – CURTAS 2
Domingo, 25/06
SPCINE OLIDO
14h00 – IMAGINE WAKING UP TOMORROW
16h00 – WHITNEY “CAN I BE ME”
18h00 – LIBERATION DAY
CCSP – SPCINE LIMA BARRETO
15h30 – BOTINADA! A ORIGEM DO PUNK NO BRASIL
17h30 – PUNK ATTITUDE
20h00 – GAROTOS DO SUBÚRBIO + JOÃO BRANDÃO
CINEMATECA – SALA BNDES
16h00 – TROPICÁLIA
18h30 – OS DOCES BÁRBAROS (ÁREA EXTERNA)
Rita Lee na época dos Mutantes no documentário “Tropicália”, de Marcelo Machado
  O In-Edit acontece nestas salas:
CineSesc
Cinemateca Brasileira
Spcine OLIDO
Centro Cultural São Paulo
MIS – Museu da Imagem e do Som
Matilha Cultural
Spcine ROBERTO SANTOS
CENTRO DE FORMAÇÃO CULTURAL TIRADENTES
CEU ARICANDUVA
CEU BUTANTÃ
CEU CAMINHO DO MAR
CEU FEITIÇO DA VILA
CEU JAÇANÃ
CEU JAMBEIRO
CEU MENINOS
CEU PARQUE VEREDAS
CEU PAZ
CEU PERUS
CEU QUINTA DO SOL
CEU SÃO RAFAEL
CEU TRÊS LAGOS
CEU VILA ATLÂNTICA
CEU VILA DO SOL

E dê ouvidos à Plebe Rude:

Link direto:

In-Edit

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações de preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções; links rompidos ou inexistentes; informações enviadas com incorreções. Imagens dos filmes citados/In-Edit.
Anúncios

NOVIDADE ONLINE – Rede com preços competitivos adere ao ‘compra no site e retira na loja’

por Filomena Sayão

Com a correria do dia a dia, é bom economizar tempo. E dinheiro, lógico. As Lojasmel (assim mesmo, tudo junto), rede com 20 lojas na Grande São Paulo, pensou justamente nisso ao oferecer ao seu consumidor a possibilidade de adquirir produtos em seu site e retirar em uma de suas unidades.

Moedores de carne – para fazer hambúrguer e muito mais – podem ser comprados no site das Lojasmel e retirados em loja física, aqui

Para quem não conhece, a rede existe há 38 anos e trabalha com preços competitivos. Vende milhares de itens para ajudar no dia a dia em casa, como utilidades domésticas, eletroportáteis, itens para organização, perfumaria, e até brinquedos. Tem de tudo um pouco.

A empresa do varejo explica que após a confirmação do pagamento, o produto é separado no centro de distribuição e enviado para a loja escolhida. Isso leva até 5 dias úteis. Quando o produto chegar na loja, o comprador é avisado por email (que cadastrou no site durante a compra).

Também é possível que outra pessoa vá buscar a compra. Ah, pode trocar na loja mesmo a compra feita no site. As regras todas das Lojas Mel estão em link no final do post.

O passo a passo explicado no site da Lojasmel

Vamos ver como funciona o serviço simulando a compra de um cobertor de casal da Corttex por R$ 29,99:

Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲. Salve o número   011 9 9985-3577 e envie a frase Eu Quero no WhatsApp ❤

1 – Escolha o produto, informe teu email para que apareçam as opções de entrega e retirada em loja. Clique em “Comprar”. Utilizei o CEP 03070-030, do bairro do Tatuapé, de São Paulo. como exemplo.

Escolha o produto, informe o seu CEP e clique na opção “Comprar”

2 – Continue e clique em “fechar pedido”.

Feche a compra para seguir em frente

3 – Hora de preencher os dados, começando pelo email e depois nome completo e telefone para contato.

Informe teu email e em “continuar” para que outros dados possam ser preenchidos

4 – A próxima tela traz os dados do comprador já preenchidos. Opte por “Retirar na Loja – Grátis – 5 dias”

Clique em “Retirar na loja”, último item oferecido

5 – Assim que clicar para retirar a compra na loja, o sistema oferece várias opções de lojas, incluindo localização por bairros. Escolhi Anhangabaú, centro de São Paulo. Em seguida, aparecem endereço, telefone e horário de funcionamento do ponto de venda que escolhido. Clique em “selecionar”.

Depois de escoolhido o bairro, o site oferece a localização da loja, endereço e horários

6 – A próxima tela traz todos as informações da compra. Para finalizar o processo, clique em “ir para o pagamento”, que é a etapa final.

Pronto, loja escolhida, só checar que é cobrado apenas o produto escolhido, frete zero – agora só terminar a compra escolhendo o sistema de pagamento

➡ Interessante da rede é que procura abrir lojas perto de estações de metrô e faz convênios com estacionamentos. Tudo para facilitar para quem quer comprar. Agora o site das Lojasmel já se iguala aos grandes magazines com o novo serviço de comprar no site e retirar na loja.

➡ LOJAS MEL – Regras para retirar na loja compras feitas no site

Lojasmel, aqui

Saiba mais:

➡ NOVIDADE ONLINE – Rede oferece comprar no site e pagar na loja

➡ Tudo sobre comprar no site e retirar na loja

vale mais

  Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações de preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções; links rompidos ou inexistentes; alterações de regras das empresas. Imagens do site da empresa. Preços de 13 de junho de 2017.

📽 DE GRAÇA – Mostra Ecofalante vai falar de comida, natureza, índios e meio ambiente

Alimentação, gastronomia, meio ambiente, natureza e até o mundo virtual estão presentes na 6ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental, que vai rolar de 1 a 14 de junho próximo em São Paulo. Serão 100 filmes brasileiros e de mais 25 países que irão mostrar e discutir questões importantes do mundo hoje, principalmente entre os jovens. Detalhe: os  filmes são gratuitos e estarão em 30 salas de cinema.

Uma Caçadora e Sua Água, documentário que mostra como uma garota de 13 anos da Mongólia tenta se tornar a primeira mulher caçadora de águias de sua família cazaque de doze gerações – veja o trailer legendado aqui

Serão três pré-estreias mundiais e 38 títulos inéditos no Brasil. As produções têm participações de astros hollywoodianos como Emma Thompson, Oscar Isaac, Rachel McAdams, a oscarizada Tilda Swinton e Daisy Ridley.

O brasileiro “Efeito Reciclagem” traz reflexões sobre a necessidade urgente de reciclar materiais, produtos e atitudes e ideias

O indigenista e premiado documentarista Vincent Carelli (de “Corumbiara” e “Martírio”) é o homenageado do ano, com exibição de vários de seus filmes e um debate com a sua participação.

Cena de “Eis os Delírios do Mundo Conectado”, de Werner Herzog

Haverá também uma sessão especial do inédito “Eis os Delírios do Mundo Conectado”. Do alemão Werner Herzog, o filmes aborda o mundo virtual desde as suas origens até os seus maiores desenvolvimentos. Promete, moçada, pois teve première mundial no importante Sundance Festival, nos EUA.

“Desejo de Carne” traz o dilema entre o amor pela carne e os argumentos racionais contra os produtos dessa indústria

Na mostra Panorama Histórico,  “A Amazônia no Imaginário Cinematográfico Brasileiro” traz obras de André Luiz Oliveira, Carlos Diegues, Gustavo Dahl, Hector Babenco , Hermano Penna e Zelito Viana.

A Mostra Contemporânea Internacional discute sete temas: alimentação & gastronomia, cidades, contaminação, economia, mudanças climáticas, povos & lugares e trabalho.

Junho é um mês estratégico para a mostra: acontece a Semana

“Mar Ensurdecedor” trata do impacto do ruído industrial e militar sobre as baleias, e o que se pode fazer a respeito

Nacional do Meio Ambiente (que acontece na primeira semana do mês) e o o Dia Mundial do Meio Ambiente, 5 de junho, criado em 1972 durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano, com o intuito de chamar a atenção para os problemas ambientais e para a importância da preservação dos recursos naturais.

Cena de “Auto-Fitness”, da mostra Escola e Circuito Universitário

Já a Mostra Contemporânea Internacional, voltada a produções recentes vindas de diversas partes do planeta, traz 39 títulos (34 deles inéditos no Brasil) organizados em sete eixos temáticos: alimentação & gastronomia; cidades; contaminação; economia; mudanças climáticas; povos & lugares; e trabalho. Cada um desses temas é acompanhado por debates específicos, que ocorrem de 2 a 8 de junho, no Cine Reserva Cultural.

Nesta seção estão astros e estrelas do cinema mundial atuando como narradores em obras inéditas no Brasil, como é o caso dos protagonistas da saga “Star Wars” Daisy Ridley e Oscar Isaac. Ridley participa de “Uma Caçadora e Sua Águia”, sobre uma garota que está tentando se tornar a primeira mulher de sua família a domar águias, enquanto Isaac é o narrador de “É Hora de Decidir”, que trata dos desafios e soluções mundiais em relações às mudanças climáticas dirigido pelo cineasta premiado com o Oscar Charles Ferguson.

“Sonhos Conectados”, narrado pela ganhadora do Oscar Tilda Swinton

A atriz e roteirista Emma Thompson conduz a produção canadense “Até o Fim da Terra” e Rachel McAdams empresta seu talento a “Mar Ensurdecedor”, um alerta para o impacto dos ruídos sobre as baleias que conta também com o músico Sting. Já “Sonhos Conectados” tem narração da atriz Tilda Swinton e resgata desejos e ansiedades do mundo atual registrados desde mais de cem anos atrás, quando o telefone, o cinema e a televisão eram novidades.

Também na Mostra Contemporânea Internacional está o filme eleito como melhor documentário nos prêmios César (o “Oscar” do cinema francês), “Amanhã”, que tem na direção Mélanie Laurent, premiada atriz de “Bastardo Inglórios” e realizadora do longa “Respire”. A obra trata de uma jornada por várias partes do mundo em busca de soluções nos campos da agricultura, energia, economia, democracia e educação.

Haverá também exibição de “Máquinas”, vencedor do prêmio de melhor documentário da mostra World Cinema do Sundance.

“Ciclo Urbano”, curta brasileiro que mostra quem pedala em São Paulo

A programação traz ainda uma nova edição do Concurso Curta Ecofalante, dedicado à produção audiovisual de estudantes universitários e de escolas técnicas de audiovisual, que contempla o melhor trabalho com R$ 3 mil.

A mostra Ecofalante vai rolar nestes cinemas: Cine Reserva Cultural, Cine Caixa Belas Artes, salas do Circuito Spcine – Centro Cultural São Paulo, Cine Olido, Centro Cultural Cidade Tiradentes, Biblioteca Roberto Santos e nos CEUs Aricanduva, Butantã, Caminho do Mar, Feitiço da Vila, Jaçanã, Jambeiro, Meninos, Parque Veredas, Paz, Perus, Quinta do Sol, São Rafael, Três Lagos, Vila Atlântica e Vila do Sol. Completam a lista as seguintes unidades das Fábricas de Cultura: Vila Curuçá, Sapopemba, Itaim Paulista, Parque Belém, Brasilândia, Capão Redondo, Jaçanã, Jardim São Luís e Vila Nova Cachoeirinha.

 ❤ Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲.
Salve o número
011 9 9985-3577 e
envie a frase Eu Quero no WhatsApp. Pronto!

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações de preços; ausência de produtos em lojas físicas, comércio online, estoques e tampouco durante promoções; links rompidos ou inexistentes; informações enviadas com incorreções. Imagens de divulgação e de trailers.

 

VIRADA CULTURAL – Imagens com programação dos principais shows para WhatsApp

Esta é para espalhar: imagens para WhatsApp dos shows e eventos que mais prometem da 13ª Virada Cultural, evento que acontece por toda São Paulo a partir das 18h do próximo sábado e termina somente 24 horas depois.

A cantora Mariana Aydar, voz da nova geração que canta sábado, 19h30, no Centro Cultural São Paulo, na Virada Cultural

Fizemos uma seleção dos principais shows _e os que mais prpometem_ com o nome do artista ou grupo, dia, horário e local onde vão acontecer. Ótimas notícias para espalhar para amigos e grupos que você participa. Coloridas, as imagens também podem ser compartilhadas no Telegram, Messenger ou Instagram. Como estão em formato quadrado, também podem ser incluídas na linha do tempo do Facebook e Twitter.

≡ DE GRAÇA – Shows e espetáculos da Virada Cultural vão rolar na cidade toda

Dê uma checada nos show que selecionamos nas imagens abaixo. Ah, não esqueça: a Virada Cultural é de graça! Aproveite!

Para compartilhar no PC, clique com o mouse na imagem, arquive no computador e espalhe como quiser, inclusive por email. No celular, toque e segure nas imagens escolhidas até que apareça a janela com as opções de baixar ou compartilhar a imagem. Envie nas redes sociais e mídias que quiser.

 ❤ Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲.
Salve o número
011 9 9985-3577 e
envie a frase Eu Quero no WhatsApp. Pronto! ❤

Mídia social é que não vai faltar pra você informar onde pretende ir e não perder hora quando combinar com os amigos e a cara-metade.

Se quer saber todos os shows do evento, consulte a programação completa nos links abaixo:

VIRADINHA CULTURAL – PROGRAMAÇÃO

VIRADA CULTURAL 2017 – PROGRAMAÇÃO COMPLETA.

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações nos locais e horários dos shows, nem por links rompidos ou inexistentes. Informações e fotos da Prefeitura de São Paulo e das contas oficiais dos artistas no Facebook.

DE GRAÇA – Shows e espetáculos da Virada Cultural vão rolar na cidade toda

Salve a virada cultural que vai lacrar em São Paulo logo logo! No próximo final de semana, 20 e 21 de maio, vai ter muuuuito show de graça no maior evento musical e cultural do Brasil. Entre os destaques estão Daniela Mercury, Titãs, Erasmo Carlos, Thiago Abravanel, Martnália, Fundo de Quintal, Simoninha, Liniker, Gaby Amarantos, Wanderléa, Zélia Duncan,  É o Tchan, MC Sofia, Mariana Aydar, Tassia Reis, Diogo Nogueira, Alcione e taaantos outros.

Daniela Mercury, um dos principais nomes da Virada Cultural que vai rolar no próximo finde – foto de foto Celia Santos

Neste ano, vai rolar show no centro, em bairros, praças públicas, no Autódromo de Interlagos, no Parque Anhembi, centros e institutos culturais da Prefeitura e parceiros. E também em CEUs.

➡ Durante a semana que vem, vale mais vai destacar os principais shows e espetáculos da Virada Cultural de 2017. Fique de olho!
A Virada Cultural também tem Titãs, foto de Silmara Ciuffa

Uma das novidades desta 13ª  Virada Cultural, que começa às 18h do sábado, 20, e termina às 18h do domingo, é que o centro de São Paulo, vai ter sete circuitos para serem percorridos a pé com programação diversificada. O que está sendo chamado de cortejo vai circular entre as ruas Xavier de Toledo, Conselheiro Crispiniano, e as avenidas São João, Ipiranga e São Luís.

Trix Mix Cabaré, com visual de cair o queijo, tem encontro marcado na Virada Cultural

O lance começa na madrugada do domingo e se estende por todo o dia. Destaques : a banda É o Tchan, que se apresenta com seus cantores originais, Beto Jamaica e Compadre Washington, seguida pelo Grupo Molejo, pela cantora Gretchen e um inusitado encontro entre o cantor Tiago Abravanel e o Ballet Plus Size.

 ❤ Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲.
Salve o número
011 9 9985-3577 e
envie a frase Eu Quero no WhatsApp. Pronto!
Zélia Duncan no musical Alegria, Alegria, que vai rolar nesta Virada Cultural

Os espetáculos vão além dos shows de música. Vão rolar sessões gratuitas no sábado à noite nos 40 teatros independentes que integrarão a programação da Virada Cultural, assim como os circos localizados em vários bairros da cidade.

O cantor Liniker tá na agenda da Virada Cultural que vai rolar no próximo final de semana, dia 20 e 21 de maio

Como nas outras edições, a criançada tem chance na Viradinha Cultural. Veja tudo o que vai rolar neste link: VIRADINHA CULTURAL – PROGRAMAÇÃO.

Para saber todos os locais e horários, veja ➡ VIRADA CULTURAL 2017 – Programação completa.

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por alterações nos locais e horários dos shows, nem por links rompidos ou inexistentes. Informações e fotos da Prefeitura de São Paulo.

📽 DE GRAÇA – 5 documentários com muita música no festival ‘É Tudo Verdade’

O festival de documentários mais quente do país, o “É Tudo Verdade”, que acontece em São Paulo e no Rio de Janeiro, traz nesta 22ª edição vários filmes que tem a música como tema central. A abertura, dia 19 passado, no Rio de Janeiro, começou com o filme “Os Cariocas”, da atriz e agora diretora Lucia Veríssimo, que promete voltar no circuito comercial.

Veja abaixo os documentários que estão rolando até o dia 30. No final do post, a programação completa para você baixar e escolher as sessões, que são gratuitas. Basta chegar uma hora antes e pegar o ingresso.

“O Berimbau”, filme de Sérgio Muniz

“O Berimbau”,  direção de Sergio Muniz, Brazil, 1977, 9 minutos.
A partir de um depoimento do instrumentista Papete, explica-se a história do berimbau na África e a chegada do instrumento à Bahia. O curta fez parte do movimento da ABD (Associação Brasileira de Documentaristas) numa luta, desde 1975, para que um curta brasileiro acompanhasse obrigatoriamente a exibição de todo longa-metragem estrangeiro.

Cena de “A Cuíca”, de Sérgio Muniz

➡ 📽 Documentário de João Moreira Salles é destaque do festival É Tudo Verdade

“A Cuíca”, direção de Sergio Muniz, Brazil, 1977, 9 minutos.
O instrumentista Osvaldinho da Cuíca conduz uma apresentação histórica sobre a presença da cuíca em vários países do mundo e sua popularização no Brasil. Assim como “O Berimbau”, fez parte do movimento pela obrigatoriedade da exibição de um curta brasileiro antes de todo longa-metragem estrangeiro, determinada por uma lei nunca revogada mas não cumprida até hoje.

“Roda e Outras Histórias”, de Sergio Muniz

“Roda & Outras Estórias”, direção de Sergio Muniz, Brasil, 1965, 9 minutos
Apresentando cinco canções do então desconhecido cantor Gilberto Gil, o filme, produzido a partir de contribuições de amigos, propôs-se como um protesto contra a ditadura civil-militar recém-iniciada em 1964 e como um ato de agitação cultural em tempos de autoritarismo ufanista.

Risos – cena do filme “A Arte Existe Porque a Vida Não Basta”, homenagem a Ferreira Gullar

“A Arte Existe Porque a Vida Não Basta!”, direção de Zelito Viana e  codireção de Gabriela Gastal, 2016.
Um resumo da vida e da obra do Gullar, tendo por linha mestra um espetáculo musical comandado por Marco Nanini e com participações de Paulinho da Viola, Adriana Calcanhoto e Laila Garin.

“Paulo Moura – Alma Brasileira”, de Eduardo Escorel

“Paulo Moura – Alma Brasileira”, direção Eduardo Escorel, Brasil 2013, 86 minutos.
A trajetória do clarinetista, saxofonista, compositor, arranjador e regente paulista Paulo Moura (1932-2010) é recuperada em imagens de toda a carreira.

Até 30 de abril online no canal Itaú Cultural, aqui.

➡ É Tudo Verdade 2017 – Programação São Paulo

➡ É Tudo Verdade 2017 – Programação Rio de Janeiro

                                    ❤ Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲.
                                                       Salve o número   011 9 9985-3577 e
                                          envie a frase Eu Quero no WhatsApp. Pronto! ❤

≡ DE GRAÇA – Jovens falam suas verdades em documentário que abre festival

Rio de Janeiro
De 20 a 30 de abril

São Paulo
De 21 a 30 de abril

Brasília
De 4 a 7 de maio

Porto Alegre
De 3 a 7 de maio

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por links rompidos ou inexistentes; informações enviadas com incorreções. Imagens de divulgação e do Youtube.

📽 DE GRAÇA – Documentários mostram olhar dos jovens sobre grandes centros urbanos

O documentário está em alta em São Paulo. De hoje até 27 de abril (depois de amanhã), o Jovem.Doc, festival com 10 filmes feitos por jovens entre 18 e 29 anos que mostram suas visões sobre questões cotidianas nos centros urbanos brasileiros, assim como as conexões que eles estabelecem com a mídia digital e como essa geração se apropria da construção dos processos sociais de cidadania.

Cena de “Deixa a Chuva Cair”, documentário dirigido por Juscelino Ribeiro que mostra o rap e a violência em Terezina, no Piauí

Os filmes são resultado de um edital público realizado em 2015 que destinou R$ 100 mil a cada projeto. O festival rola na Cinemateca Brasileira, situada na Vila Clementino, em São Paulo e a entrada é gratuita.

“É um projeto feito pela juventude, para mostrar suas questões, pelo seu olhar”, resume a professora e coordenadora do projeto, Clélia Rejane Antonio-Bertoncini.

📽 DE GRAÇA – Festival É Tudo Verdade começa hoje com 82 documentários de 30 países

Os documentários têm 26 minutos de duração e serão exibidos em seis sessões duplas (programação completa com horários no final do post).

 ❤ Receba as boas notícias de vale mais no celular 📲. Salve o número
011 9 9985-3577
envie a frase Eu Quero no WhatsApp. Pronto! ❤

Alguns dos filmes participam de mostras e festivais pelo Brasil e no mundo, como é o caso do filme de Juscelino Ribeiro de Oliveira Júnior, “Deixa a Chuva Cair”, exibido no Festival de Cannes de 2016 na França. O documentário conta a história da violência na periferia de Teresina, capital do Piauí. Foi inspirado em composições do rapper Preto Kedé. Veja o trailer:

 

Documentários da mostra:

  • “A Batalha de São Brás”, de Adrianna Samara da Silva Oliveira
  • “Aquém Margens: Juventude e Exclusão Social em Áreas de Mineração?”, de Alexandra Araújo Duarte
  • “Confirmou Presença”, de Ana Carulina Vindilino Roelis
  • “Deixa a Chuva Cair”, de Juscelino Ribeiro de Oliveira Júnior
  • “Enquadro”, de Lincoln Péricles Maximiano Pinto
  • “Faixa”, de Pedro Rocha de Oliveira
  • “Intervenções Urbanas”, de Lorena da Silva Figueiredo
  • “Ônibus Hacker: Ah, se eu fosse ficção!” De João Cobbett Stael Markun
  • “Relatos do exílio”, de Elder Gomes Barbosa
  • “Tomada da Casa do Povo”, de Alexandre Moroso Guilhão

A realização do Jovem.Doc  “é um fio de esperança num contexto de desestabilização da cultura nacional. Mantém viva a cultura em nosso país”, diz a coordenadora Clélia.

A iniciativa é resultado do Programa de Fomento à Produção de Conteúdo Audiovisual Brasileiro, parceria da Universidade Federal de São Paulo, Unifesp, e Cinemateca Brasileira. Os recursos são originados do Ministério da Cultura (Minc) e a Fundação de Apoio à Universidade Federal de São Paulo, FapUnifesp, é a instância responsável pelo seu gerenciamento.

≡ DE GRAÇA – Jovens falam suas verdades em documentário que abre festival

➡  FESTIVAL JOVEM.DOC -Programação Completa da Cinemateca Brasileira

Cinemateca Brasileira: Largo Senador Raul Cardoso, 207, Vila Clementino, São Paulo, fone (11) 3512-6111.

vale mais

 Boas notícias de como curtir coisas boas com pouca ou nenhuma grana  

 vale mais não se responsabiliza por links rompidos ou inexistentes; informações enviadas com incorreções. Imagens de divulgação.